quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Rodeios, rodeios...

O ano de 2011 inicia com três grandes rodeios no Rio Grande do Sul. Os municípios de Lagoa Vermelha, Soledade e Passo Fundo serão responsáveis por reunir, juntos, cerca de 150 mil pessoas de público e distribuir aproximadamente R$ 250 mil em prêmios. Além de atrair competidores de todo o Brasil e também de outros países, os rodeios também apostam em atrações paralelas, como shows nacionais e internacionais, mostras e fandangos para atrair o público. Conheça um pouco mais de cada um destes eventos:

Rodeio de Soledade
Em sua quarta edição, o Rodeio Internacional de Soledade busca a integração do tradicionalismo gaúcho em todos os seus segmentos, desde a parte campeira até iniciativas culturais. Um exemplo é o Fandango da Terceira Idade, uma iniciativa inédita em rodeios.
O IV Rodeio Internacional de Soledade acontece de 17 a 20 de fevereiro, no Parque de Eventos Centenário. Entre as atrações artísticas já confirmadas, estão João Luiz Corrêa e Grupo Campeirismo, Eco do Minuano e Bonitinho, Paulo Guerra, além de shows baile com os grupos Soledade e Quero-Quero. Ao total, serão mais de R$ 50 mil em prêmios. Informações para inscrições pelo endereço www.rodeiosoledade.com.br.

Rodeio de Passo Fundo
O XV Rodeio Internacional de Passo Fundo, que acontece de 4 a 13 de fevereiro, traz como maior novidade a ampliação. Serão dez dias de programação, com mais de R$ 80 mil em prêmios para as categorias campeiras e artísticas, além de uma caminhonete e uma moto. Para atrair o público, a aposta é em forte programação artística, com shows de Cesar Oliveira e Rogério Mello, Pedro Ortaça, Mano Lima, Buenas e M´Espalho, Luiz Marenco, Joca Martins, Teixerinha Filho, Oswaldir e Carlos Magrão, entre outros. Informações para inscrições pelo site www.rodeiodepassofundo.com.br.

Rodeio de Lagoa Vermelha
De 26 a 30 de janeiro de 2011, o município de Lagoa Vermelha espera receber cerca de 70 mil visitantes durante o I Rodeio Internacional, que irá distribuir mais de R$ 75 mil em premiação. Paralelamente, haverá diversas atrações como a XV Festa Nacional do Churrasco e a VI Mostra de Fotografias, Doces e Comida Campeira.
A cantora Shana Muller, o Grupo Tarumã, Mano Lima são alguns dos shows já confirmados para a festa, que conta ainda com bailes animados pelo Grupo Minuano e pelo Gaúcho Pachola e Grupo.
A Mostra de Doce Campeiro é uma das principais atrações da festa e que vem ganhando mais público a cada ano. Para 2011, serão mais de trinta variedades de doces da culinária gaúcha. Na última edição, em 2009, foram comercializados mais de 500 quilos e a expectativa é de que esse número dobre em 2011. O doce de figo cristalizado e o de leite são os mais pedidos.

Fonte: Portal MTG

Mensagem de fim de ano

"Aprendemos que, por pior que seja um problema ou situação, sempre existe uma saída.
Aprendemos que é bobagem fugir das dificuldades. Mais cedo ou mais tarde, será preciso tirar as pedras do caminho para conseguir avançar.
Aprendemos que perdemos tempo nos preocupando com fatos que muitas vezes só existem na nossa mente.
Aprendemos que é necessário um dia de chuva para darmos valor ao Sol, mas se ficarmos expostos muito tempo, o Sol queima.
Aprendemos que heróis não são aqueles que realizam obras notáveis, mas os que fizeram o que foi necessário e assumiram as conseqüências dos seus atos.
Aprendemos que, não importa em quantos pedaços nosso coração está partido, o mundo não pára para que nós o consertemos.
Aprendemos que, ao invés de ficar esperando alguém nos trazer flores, é melhor plantar um jardim.
Aprendemos que amar não significa transferir aos outros a responsabilidade de nos fazer felizes. Cabe a nós a tarefa de apostar nos nossos talentos e realizar os nossos sonhos.
Aprendemos que o que faz diferença não é o que temos na vida, mas QUEM nós temos. E que boa família são os amigos que escolhemos.
Aprendemos que as pessoas mais queridas podem às vezes nos ferir. E talvez não nos amem tanto quanto nós gostaríamos, o que não significa que não amem muito, talvez seja o máximo que conseguem. Isso é o mais importante.
Aprendemos que toda mudança inicia um ciclo de construção, se você não esquecer de deixar a porta aberta.
Aprendemos que o tempo é precioso e não volta atrás. Por isso, não vale a pena resgatar o passado. O que vale a pena é construir o futuro.
O nosso futuro ainda está por vir.
Então aprendemos que devemos descruzar os braços e vencer o medo de partir em busca dos nossos sonhos."


Que 2011 venha repleto de amizades, alegrias e sucesso!
Desejo a todos um ano maravilhoso, e que o Tradicionalismo continue correndo em nossa veias com a mesma intensidade de sempre.
Um forte abraço, e muito obrigada àqueles que fizeram parte da minha vida em 2010!
Nos vemos no próximo ano. Boas Festas a todos, e juízo ;)

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Assuntos para Prova Oral

O fim de ano está aí.
Época de férias, praia, sol e calor!

Porém, muitas Prendas e Peões pelo Estado a fora aproveitam estes meses de calmaria dos estudos nas escolas e universidades para se comprometerem mais com os Estudos dos Concursos de Prendas e Peões.

Já passei por isso, sei bem como é.
Sei como é também o nervosismo, a ansiedade para conseguir os materiais, a corrida atrás de livros, apostilas, etc. Para os peões, um abril que se aproxima rapidamente... para as prendas, um maio que já vem tirando o sono.

Trago hoje uma lista repleta de idéias de assuntos para a Prova Oral. Não pode-se confiar apenas nestes temas, afinal eles foram recolhidos com o passar de alguns concursos. Deixo claro que são apenas idéias, podendo ou não estarem presentes no sorteio. A idéia é que aproveitem estes temas para fazer algumas redações, citações, resenhas... assim estarão treinando diversas habilidades.

Toda e qualquer forma de estudo são válidas. Jamais esqueçam disto!

A importância da família no Tradicionalismo

A influência de outros gêneros musicais na música gaúcha

Os meios de comunicação na propagação da Cultura Gaúcha

Projeto MTG e a Comunidade Escolar

A mulher gaúcha no Movimento

Carta de Princípios

Os Primórdios do Movimento Organizado

A importância das diversas etnias para a formação do Rio Grande do Sul

O Sentido e o Valor do Tradicionalismo

Os índios e a formação do gaúcho

Festa Campeira do Rio Grande do Sul

A importância do Departamento Jovem nos CTG’s

A participação do jovem no Movimento Tradicionalista Gaúcho

Chama Crioula e o Grupo dos Oito

Movimento Tradicionalista Gaúcho e a Solidariedade

35 CTG – Pioneiro do Movimento no Rio Grande do Sul

Desfile temático na Semana Farroupilha

O jovem no processo de liderança no Tradicionalismo

Os grupos de Danças nas Entidades Tradicionalistas

O Movimento Tradicionalista Gaúcho no futuro

O chimarrão: símbolo do gaúcho

Os Rodeios no Rio Grande do Sul

Encontro de Arte e Tradição Gaúcha – ENART, sua importância e seus objetivos

Ciranda Cultural de Prendas: a quem pertence esta história?

A importância do Concurso de Prenda e do Concurso de Peão para a Juventude Gaúcha

O cartão tradicionalista

Estátua do laçador, sua importância para o Estado

Tema da Semana Farroupilha anual

Importância do Cfor

Tradicionalismo X Drogas

O MTG envolvido com grupos partidários

Assim se fez o gaúcho

O negro no Rio Grande do Sul

As diversas etnias para a formação do povo gaúcho

Semana Farroupilha e sua contribuição para o desenvolvimento do RS

Marca Grande e sua importância

Prenda da Região – compromisso, objetivos e atribuições

A diferença de Congresso e Convenção e a importância para o rumo do MTG

Avaliação dos Concursos Artísticos, através da Prendas de faixa e Peões de crachá

Tema anual do MTG

Prenda/Peão da Região: compromisso, objetivos e atribuições.

Prenda/Peão do RS: compromisso, objetivos e atribuições

Comportamento social das prendas e dos peões

Departamento jovem – qual sua função dentro do Movimento Tradicionalista Gaúcho

MTG – construindo no CTG o sentido e o valor do tradicionalismo

A importância do cartão tradicionalista para a realização de eventos tradicionalistas

Troféu RS – Mulher Farroupilha

Rota turística e o MTG – o que fazer?

Enart – qual o objetivo de atividades diferenciadas para diferentes níveis de participação

O gaúcho e suas façanhas

A importância do tradicionalismo para preservação de vidas e controle da vidas e controle da violência urbana

IGTF e MTG – funções, compromissos e atuação

Lideranças tradicionalistas, com exemplos

Curso de formação para melhorar a cultura tradicionalista. Por que?

Preservação do Meio Ambiente: dever de todos

Por que trabalhar a tradição gaúcha nas escolas do RS?

O Vestido de Prenda e sua história 

Gerações Tradicionalistas no comando de entidades – afinal a quem pertence o CTG?

Departamento Jovem e sua nova estruturação (qual o objetivo buscamos?)

Mitos e Lendas regionais

Artesanato de fios – sua preservação na sociedade atual

CTG Núcleo de Fortalecimento da cultura gaúcha e a inclusão social

A participação das mulheres em atividades campeiras

O papel da 1ª Prenda junto ao Departamento Jovem

Semana Farroupilha a quem pertence?

Desejo a todos ótimos estudos. Cada segundo de dedicação fará a diferença! Acreditem nisto, e a cima de tudo acreditem e vivam com intensidade os seus sonhos!
Quem tiver mais idéias de assuntos, deixa um comentário :)

Valeeu galerinha, grande abraço.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Estuda, tchê: Estrutura Organizacional do MTG

A estrutura organizacional do MTG está assim constituída:
ADMINISTRAÇÃO DO MTG:

1 - Órgãos normativos:
a) o Congresso Tradicionalista;
b) a Convenção Tradicionalista;

2 – Órgão eletivo:
a) Assembléia Geral Eletiva.

3 – Órgãos administrativos:
a) o Conselho Diretor,
b) a Junta Fiscal,
c) as Regiões Tradicionalistas.

4 – Órgãos de Assessoramento:
a) Conselho de Vaqueanos,
b) Comissão de Ética.

1 - Órgãos normativos são:
Congresso Tradicionalista: é a reunião em Assembléia Geral das Entidades filiadas ao MTG, que acontece anualmente no mês de janeiro. O Congresso Tradicionalista é convocado e instalado pelo Presidente do MTG, mas dirigido por Mesa própria, constituída na sessão preparatória, cuja função é coordenar os trabalhos do Congresso, estando constituída por um Presidente, um 1º Vice-Presidente, um 2º Vice-Presidente, um Secretário Geral e um Relator Geral.
O Congresso Tradicionalista tem, dentre outros, o objetivo de traçar diretrizes, rumos e princípios para o Movimento Tradicionalista Gaúcho, bem como reformular seu Estatuto. Toda a pessoa interessada é convidada a assistir.

Convenção Tradicionalista: é a reunião, em Assembléia Geral, integrada pelos membros do Conselho Diretor, Conselho de Vaqueanos, Junta Fiscal, Conselho Benemérito e Coordenadores Regionais. A Convenção Tradicionalista é instalado e presidido pelo Presidente do MTG e, dentre outras, tem a competência de aprovar, altear e reformular o Regulamento do MTG, Códigos e demais regulamentos. A Convenção acontece anualmente no mês de julho. Em 2002, será em Novo Hamburgo / 30ª RT.

2 – O órgão eletivo é:
Assembléia Geral Eletiva: que acontece anualmente no decorrer do Congresso Tradicionalista. Na ocasião, as Entidade Tradicionalista, através de seus representantes devidamente credenciados, se reúnem para procederem a eleição simultânea, de membros titulares do Conselho Diretor e Junta Fiscal. E seus respectivos suplentes.

3 – Os órgãos administrativos são:
Conselho Diretor: o MTG é administrado por um Conselho Diretor composto de trinta e três (33) membros efetivos e dezesseis, chamados Conselheiros, eleitos em Assembléia Geral eletiva realizada anualmente no Congresso Tradicionalista. O mandado do Conselheiro efetivo é de dois anos, os quais escolherão, dentre si, um Presidente, um Vice-Presidente Administrativo, um Vice-Presidente de Finanças, um Vice-Presidente de Cultura e um Vice- Presidente de Eventos, estes com mandato de um ano. Juntamente com os titulares, são eleitos dezesseis (16) suplentes, com um mandato de um (1) ano.
A eleição do Conselho Diretor acontece anualmente, em Assembléia Geral Eletiva, convocada pelo Presidente do MTG, no decorrer do Congresso Tradicionalista. Na ocasião, são eleitos trinta e dois (32) conselheiros, sendo dezesseis (16) nos anos ímpares e dezesseis nos anos pares.
Juntamente com os titulares, serão eleitos dezesseis suplentes, com um mandato de (1) ano, os quais serão chamados, pela ordem, no caso de impedimento ou vaga, para assumirem temporariamente ou definitivamente, as atribuições do cargo.
O Conselho Diretor é o órgão encarregado de estabelecer, orientar e comandar a administração executiva do MTG. O Presidente do Conselho Diretor é o Presidente do MTG. O presidente e os Vice-Presidentes do Conselho Diretor são reconhecidos como Presidente e Vice-Presidentes do Movimento Tradicionalista Gaúcho e da Diretoria do MTG, cujas atividades do Conselho Diretor são por eles dirigidas.

Junta Fiscal: eleita em Assembléia Geral Eletiva tem, dentre outras, a função de examinar bimestralmente, o movimento da tesouraria do MTG.

Regiões Tradicionalistas: são órgãos de descentralização territorial do MTG, sem personalidade jurídica, constituídas por determinado número de entidades filiadas, agrupadas de acordo com sua localização, por afinidade geográfica e cultural.

4 – Os órgãos de assessoramento são:
Conselho de Vaqueanos: é um órgão de Assessoramento e Aconselhamento da administração do MTG, sendo constituído por todos os ex-presidentes do Conselho Diretor e do extinto Conselho Coordenador.

Comissão de Ética: é um órgão de assessoramento da administração do MTG, que tem por objetivo coibir condutas sociais em desacordo com os princípios, que fundamentam a vivência tradicionalista e, em especial, que firam a Carta de Princípios do Movimento Tradicionalista Gaúcho.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Eleição da Presidência

Pessooal, peço mil desculpas pelo pequeno sumiço, mas sabe como é, final de ano a correria é grande!

E falando em fim de ano, lembramos de Congresso Tradicionalista Gaúcho, que por sua vez nos lembra: Eleição da Presidência!

Pois então, nos cabe a responsabilidade de saber escolher quem tomará as melhores decisões, quem saberá levar nosso Movimento com mais responsabilidade, conhecimento, ética e dignidade. O fututo de milhares de tradicionalistas está em jogo.

Mais uma vez lhes trago o acesso aos blogs dos canditados, para que possam estar cientes de suas escolhas.

Flávio Belmonte: Blog União pela Tradição
Bertolini: Blog Bertolini

Um ótimo final de semana a todos!
Até mais :)

7° Rodeio Crioulo Estadual - CTG Capitão Ribeiro

O CTG Capitão Ribeiro, de Capitão-RS, convida a todos para o seu 7º Rodeio Crioulo Estadual, a realizar-se de 30 de Dezembro de 2010 a 02 de Janeiro de 2011, no parque municipal de eventos.


Os mistérios Ocultos no Chimarrão



O chimarrão é utilizado no sul do país e América do Sul desde muito antes do descobrimento do Brasil e, sua história é permeada de mitos e crendices que antecedem até mesmo o seu descobrimento.
Inicialmente utilizada apenas pelos pajés das tribos, a “Caá-y” ou água da erva saborosa teve seu segredo revelado por “Tupã”, o deus dos índios. Mais tarde, durante uma guerra com tribo inimiga, o segredo foi ensinado aos guerreiros guaranis que, sentindo-se renovados com os benefícios da erva-mate, venceram a batalha.

Foram soldados espanhóis os primeiros a ter contato com o mate. Descobriram na região do Guairá – hoje atual estado do Paraná – uma tribo Tupi Guarani que diferia das demais por ser alegre e hospitaleira e por ter instituído entre seus habitantes, o consumo de uma bebida desconhecida chamada “mati”, que no vocábulo quíchua significa recipiente. A primeira vista, os soldados consideraram a bebida amarga e selvagem e a chamaram “cimarrón”, que do espanhol quer dizer “xucro”.

Com a chegada dos padres jesuítas às Américas e a fundação das primeiras reduções, o consumo do chimarrão foi considerado pecado e seu uso perseguido pela igreja. Percebendo que a perseguição e as ameaças não surtiam efeito sobre os índios catequizados e que o consumo do mate persistia, os jesuítas usaram da fé indígena e criaram o mito de que “Anhagapitã” – o demônio – teria envenenado os ervais e que quem tomasse daquela erva morreria. Os índios temerosos do feitiço buscaram auxílio nos Pajés, que desfizeram as intenções, dizendo que se o primeiro mate fosse sugado e cuspido, o veneno seria anulado. Daí surge uma das crendices que ainda hoje é mantida em muitas regiões do estado, a de cuspir o “veneno do mate” como dizem os mais antigos, ou o primeiro mate.

Foi só depois dessa tentativa fracassada de proibir o uso da erva-mate, que os padres jesuítas perceberam o grande valor da planta e passaram a pesquisá-la. Foram os primeiros a conseguir produzir mudas de erva-mate e desenvolveram processos para sua produção junto às reduções, criando a “Caá-mini”, espécie de pó grosso da erva-mate, que diferia da erva utilizada até então. A partir daí, a erva-mate passa por um período de ouro e chega inclusive a valer como moeda corrente.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

58° Congresso Tradicionalista

O maior conclave dos tradicionalistas acontece de 7 a 9 de janeiro em Nova Petrópolis, região serrana do estado. Na história dos congressos se tem registro de grandes teses, entre elas, “O sentido e o valor do tradicionalismo” de Luis Carlos Barbosa Lessa. No 58º Congresso o tema será voltado ao uso da tecnologia buscando benefícios para a propagação do tradicionalismo gaúcho.

O Congresso é o evento do MTG direcionado a traçar as metas e diretrizes para o ano que se inicia, ou seja, para que os CTGs, reunidos no conclave, consigam seguir a mesma linha mestra durante o ano corrente. Um exemplo claro foi o tratamento dado pelo MTG e seus filiados à questão do meio ambiente. Em 2011 o tema será o uso da TI pelos tradicionalistas em benefício do movimento.
Então prepare a mala de garupa, os avios do mate, encilha teu pingo e bota o pé na estrada que, em janeiro, todos os rumos levam para Nova Petrópolis, de 7 a 9 no centro de eventos do município.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

MTG inaugura Biblioteca Central

O Movimento Tradicionalista Gaúcho promoveu, dia 29, às 19h, a solenidade de lançamento de sua Biblioteca Central. Localizado na Avenida Guilherme Schell, número 90, o espaço tem três andares, em um total de 136m² e conta com balcão de atendimento, terminais de consulta, área de exposições e museu, além de salas de oficinas. As obras foram iniciadas em março de 2009, após a aprovação de um financiamento da Lei Rouanet, do Ministério da Cultura, no valor de R$ 172 mil.

O objetivo é prover aos associados das entidades filiadas, escolas e estudiosos das obras gaúchas um novo espaço para a leitura e pesquisa. O acesso será aberto ao público, que poderá usufruir de todo o acervo. O horário de funcionamento da biblioteca é de segunda à sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 17h.

Ações
Com o novo espaço, o MTG pretende desenvolver atividades como a Biblioteca Sem Fronteiras, clubes de leitura, agentes de transformação, encontros com escritores, formação de contadores de histórias, exposições, painéis e mostra de vídeo.A Biblioteca Sem Fronteiras contribuirá para que um maior número de indivíduos tenha acesso aos diversos tipos de expressões culturais. Visa expandir os limites das bibliotecas nos CTGs, revitalizando os espaços com ações nas escolas.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Núcleo de Fortalecimento - 24ª RT

"REVIVENDO NOSSAS RAÍZES”


“Mamãe mandou eu escolher este daqui.
Mas eu sou teimosa e escolhi você para participar do Revivendo nossas Raízes.”

Com o objetivo de fortalecer nossa cultura, as Prendas, Peões e Guris da 24ª RT convidam você para participar no dia 12/12/10, na Sede do PTG Machry, em Venâncio Aires, do evento que organizam com a seguinte programação:
9h - Credenciamento
9h30 - Abertura
10h – Oficinas

1ª Prenda Mirim 24ªRT - Marina Mayer, acompanhadas das demais Prendas Mirins participam da oficina “Resgate de Brinquedos e Brincadeiras”.

1ª Prenda Juvenil 24ªRT - Janaina Matiello, acompanhadas das demais Prendas Juvenis participam da oficina de “Resgate de Receitas”.

1ª Prenda 24ªRT - Cilene Parabôa, acompanhada das demais Prendas participam da oficina de “Resgate de Trabalhos Manuais”.

Peões , Guris, Piá e Piazito Farroupilha 24ªRT - acompanhados dos demais Peões, Guris, piás e piazitos participam das “Provas de Galpão”.

12h - Almoço
14h - Palestra Motivacional
16h - Apresentações
Encerramento.

Regulamento:
*Prenda Mirim - trazer um brinquedo para apresentar.
*Prenda Juvenil - trazer uma receita para troca e confecção do livro de receitas.
*Prenda Adulta - trazer um trabalho artesanal para apresentar.
*Cada participante deverá trazer um brinquedo para doar.
*O brinquedo poderá ser confeccionado com material reciclável.
*Usar a criatividade, tanto na confecção do brinquedo, como na apresentação do seu trabalho.
*Haverá sorteio de brindes.
*Certificado para os participantes.

Entidades Mãe:
CTG Herança Nativa – Arroio do Meio
DTG Piazito da Tradição -  Venâncio Aires
GAN Anita Garibaldi - Encantado
CPF Terra de Um Povo- Venâncio Aires
CTG Bento Gonçalves - Lajeado
CTG Tropilha Farrapa - Lajeado
DTG Guardiões do Rio Grande - Encantado
CTG Querência da Amizade- Bom Retiro
CTG Querência do Arroio do Meio – Arroio do Meio

Contato:
Departamento Jovem da 24ª RT
Luce Carmen 51 99737695

Departamento Cultural da 24ª RT
Ana Cristina Finke 51 97831570

e-mail:
lucemayer@yahoo.com.br
coordenadoria@24rt.com.br
ana_finke@hotmail.com

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Resultados: Rodeio do Mercosul e Giuseppe Garibaldi

Boa taarde galera!
O fim de semana foi movimentado pelo nosso Rio Grande a fora, rodeios e mais rodeios exaltando a cultura gaúcha pós final de semana de ENART!
Trago os resultados da Categoria ADULTA do 24° Rodeio Crioulo Estadual do CTG Giuseppe Garibaldi e do 16° Rodeio Internacional do Mercosul.
Parabéns aos vencedores. Certamente foram vitórias merecidas!

24° Rodeio Crioulo Estadual do CTG Giuseppe Garibaldi
1º DTG General Canabarro
2º CTG Porteira dos Pampas
3º DTG Piazitos da Tradição
4º CTG Sentinela da tradição
5º CPF Terra de um Povo
6º CTG Tropilha Farrapa

16° Rodeio Internacional do Mercosul
1- CTG Rancho da Saudade
2- DTG Clube Juventude
3- CTG Tiarayu
4- GAN Ivi Maraé
5- CTG Clube Farroupilha
6- CTG Porteira Velha
7- CTG Gildo de Freitas
8- CTG M'Bororé
9- CTG Estância da Serra
10- CTG Vaqueanos da Tradição

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Palavra de Prenda

Hoje contamos com as palavras de Letícia de Abreu Gomes, 2ª Prenda Juvenil da 24ª Região Tradicionalista gestão 1999/2000.

"Não há dúvidas de que ser prenda de faixa, e principalmente, prenda regional, foi uma das experiências mais marcantes de minha vida.
São muitos os fatores que nos levam a tomar uma decisão como esta: a vivência tradicionalista, o orgulho de ser gaúcho, mesmo a vaidade... é difícil definir. Sei lá, talvez seja simplesmente um caminho já traçado que a gente apenas segue, vai saber.
O que importa é tudo que esta magnífica experiência acrescenta a vida da gente: conhecimento, amizades (principalmente com as colegas de gestão), lugares que se conhece, trabalhos em benefício da sociedade em geral. Na minha gestão, o trabalho na Saidam em Lajeado é algo que levo para o resto da vida.
Sem dúvida, ser prenda me adicionou muito enquanto pessoa, foi essencial para me tornar quem sou. Amadurecimento, solidariedade, o dom da oratória, trabalhar muito a dicção. Mesmo estando um pouco afastada do movimento, ainda me orgulho de minhas conquistas e sei tudo que devo ao movimento. Emociono-me ao vestir o vestido, ao ouvir algumas músicas, a lembrar das declamações, com certeza minha marca registrada. Enfim, somente motivo de orgulho.
Quanto ao movimento nos dias atuais, ainda há muita coisa boa. Luiz Marenco, César Oliveira e Rogério Melo, enfim, esses cantores da verdadeira tradições. É uma pena que às vezes o que mais se propaga sejam esses modismos de tchêmusic, coisa mais horrorosa que não tem mais absolutamente nada a ver com o tradicionalismo gaúcho: tu imagina chegar pra prenda: "quero ver tu rebolar, rebolar, rebolar". Pô, isso aqui é bailão, baile funk ou CTG? É preciso diferenciar para manter uma tradição. Por mais que, enquanto antropóloga que sou, saiba que muito da nossa história é inventada, para criação de uma identidade gaúcha, é uma tradição rica. E qual tradição não tem lá suas criações?! Só não podemos nos deixar levar por esses modismos, por esses pseudos tchês que querem ser cowboys. Se não, como disse gaúcho da fronteira "mas tu tem que levar choque", eheheh. A gente precisa manter a raiz."

 Prendas da 24ª RT, 1999/2000

Muito obrigada pela participação!
Estaremos sempre engrandecendo mais nossa cultura, se pessoas como você jamais esquecerem o amor que sentem por nossas tradições, apesar de muitas vezes estarem um pouco distante delas.
Parabéns por sua história, e obrigada por compartilhá-la conosco!
Um forte abraço.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Venâncio Aires leva o 2ª lugar em Danças de Salão no ENART 2010

Bruno é um guri que começou a dançar num grupo de danças tradicionais da sua Escola. Logo se apaixonou pela dança e se tornou um exímio dançarino.

Cristine é uma guria que dançava na invernada de um CTG. Suave nos passos e gestos, se destacava entra as prendas no salão.

O Bruno mudou de grupo e foi dançar na invernada do mesmo CTG que a Cristine. Os dois se conheceram, se apaixonaram e uniram seus amores pelo tradicionalismo e pelas danças. Além de dançarem juntos, tornaram-se parceiros no desenvolvimento de suas funções tradicionalistas. De dançarinos, tornaram-se instrutores de dança. E seguiram juntos.

No último dia 06 de novembro, o Bruno e a Cristine se casaram e numa cerimônia emocionante, e brindaram seus convidados com uma apresentação de... danças!!! A última dança apresentada pelo casal foi um passo de Chula que dançaram juntos!

No Enart 2010, esse jovem casal conquistou pela primeira vez o segundo lugar em danças de salão. A integração do casal e o amor que brota seus olhos foi certamente o diferencial que os levou a essa conquista.

Assim como no caso desses jovens, tradicionalismo é recheado de histórias de amor. De pares que se encontram, de olhares que se cruzam, de destinos que se unem por amor a tradição!


Comemoração em Venâncio Aires

Em Venâncio Aires, as primeiras conquistas no Enart na história do município foram comemoradas com carreata e muita festa.

Os jovens Bruno e Cristine Cassariego, do DTG Piazito da Tradição, conquistaram o segundo lugar na modalidade Danças de Salão, e Evelaine Barbian, do CPF Terra de um Povo, conquistou o segundo lugar na modalidade Declamação Feminina.

Os três jovens foram recebidos pela comunidade Venâncio-airense no domingo à noite com uma carreata que desfilou pelas principais ruas da cidade.


Parabéééns Cris, Bruno e Evelaine!
A 24ª RT se orgulha de vocês.
Forte abraço.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

11ª Mostra de Arte e Tradição

Paralelo ao Encontro de Arte e Tradição (Enart), ocorreu nesta tarde no palco B, a 11ª Mostra Folclórica que reúne as 30 Regiões Tradicionalistas. A exposição é organizada pelas prendas e peões de cada região.

O tema da mostra é definido pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) e neste ano é sobre adereços femininos, para as prendas, e botas para os peões. Segundo a coordenadora de cultura interna do MTG, Edna Fischborn, o objetivo da exposição é resgatar as características de cada região. "As prendas e os peões desenvolvem uma pesquisa por escrito e depois arrecadam as peças para exposição. Assim se mantém viva as peculiaridades de cada canto do Estado".

As prendas da 23ª Região Tradicionalista, situada do Litoral Norte, trouxeram jóias, camafeus e vestidos de prenda. "Depois da pesquisa, entramos em contato com várias mulheres e conseguimos as peças", afirma Carolina dos Santos, 1ª Prenda Mirim da 23ª Região Tradicionalista.


A 1ª Região Tradicionalista, apresentou, através de suas prendas, um rico material sobre a história do leque. Segundo a pesquisa realizada pela prenda, o acessório chegou ao Rio Grande do Sul no século XVIII, sob influência da elite européia. “A característica mais importante do leque é o fato de ser uma peça atemporal. Conseguimos informações de que os primeiros leques datam do século XII A.C..


Idumentária dos campeões
Outra exposição que chamou atenção do público foi a das indumentárias dos 24 grupos campeões do Enart. A mostra foi organizada pelas prendas e peões do Rio Grande do Sul e foi uma homenagem ao Jubileu de Prata do concurso.


De acordo com Edna Fischborn, a Mostra Folclórica envolve diretamente cerca de 500 pessoas na organização. A exposição passa por uma comissão avaliadora.

Na ocasião, também foi lançado o livro “Tchêncontro Estadual da Juventude Gaúcha 1990 – 2010”, comemorando os vinte anos da iniciativa. A obra apresenta a história dos encontros, apresentando as pesquisas realizadas pelos jovens.

20 Colocados - Força A / ENART 2010

Os 20 colocados na modalidade Danças Tradicionais - Força A

1. DTG Clube Juventude - Alegrete 4ªRT
2. CTG Rancho Da Saudade - Cachoeirinha 1ªRT
3. CTG Lanceiros De Santa - Cruz Santa Cruz Do Sul 5ªRT
4. CTG Lalau Miranda - Passo Fundo 7ªRT
5. CPF Piá Do Sul - Santa Maria 13ªRT
6. CTG Aldeia dos Anjos - Gravataí 1ªRT
7. CTG Ronda Charrua - Farroupilha 25ªRT
8. CTG Estância Gaúcha - Canoas 12ªRT
9. União Gaúcha J. Simões Lopes Neto - Pelotas 26ªRT
10. CTG Cel. Thomaz Luiz Osório - Pelotas 26ªRT
11. CTG Gildo de Freitas - Porto Alegre 1ªRT
12. GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul 25ªRT
13. DT Continente de São Pedro - Cruz Alta 9ªRT
14. GAN Ivi Maraé - São Leopoldo 12ªRT
15. DTG A. A. Souza Cruz - Santa Cruz do Sul 5ªRT
16. CTG Heróis Farroupilhas - Caxias do Sul 25ªRT
17. CTG Campo dos Bugres - Caxias do Sul 25ªRT
18. CTG João Sobrinho - Capão da Canoa 23ªRT
19. CTG M´Bororé - Campo Bom 30ªRT
20. CTG Carreteiros do Sul - Pelotas 26ªRT

16° Rodeio Internacional do Mercosul

Em uma realização conjunta da Prefeitura, através da Fundação Municipal de Arte e Cultura (Fundarc), e do CTG Aldeia dos Anjos, o 16º Rodeio Internacional do Mercosul movimentará o Parque de Eventos Ireno Michel, na RS 118, no período de 24 a 28 de novembro.

Mais de R$ 50 mil em prêmios serão distribuídos em um dos maiores eventos tradicionalistas do Rio Grande do Sul. Provas campeiras e torneios de laço, gineteadas, bocha, truco, tava e tetarfe, concursos tradicionalistas e apresentações artísticas são algumas das atividades que celebram a cultura gaúcha, em Gravataí, com a presença de ginetes de diversas regiões do país.

Nesta quarta-feira (24/11), a programação inicia pela manhã com Alvorada Festiva e Hasteamento das bandeiras e à tarde, com provas de Laço, na cancha principal do Parque de Eventos.

O 7º Encontro Nacional de Xirus ocorre no domingo (28/11), com a realização de provas artísticas de danças tradicionalistas, trova, declamação, chula, gaita ponto, gaita piano e solista vocal.

Shows
Cinco palcos vão dividir as apresentações artísticas do 16º Rodeio Internacional do Mercosul. A apresentação das invernadas artísticas ocorrem nas noites quinta-feira (25) e no sábado (27). Pedro Ernesto fará o show na sexta-feira (26), a partir das 21h30min.
A festa cultural em Gravataí deve mobilizar um grande número de pessoas. “Esperamos um público de diversas regiões do Estado para assistir as apresentações e participar das provas”, enfatiza o presidente da Fundarc, Amon Costa. Os espaços já estão sendo comercializados e o Parque está sendo preparado para receber os visitantes.

Área do Rodeio
O local terá praça de alimentação, acesso facilitado, amplo estacionamento e vasta área para acampamento, em uma área de 43 mil metros quadrados, com espessa vegetação e figueiras centenárias, com acesso à luz, água potável, lenha e telefones públicos. A capacidade total é de 300 barracas. O ingresso para o visitante será 1kg de alimento não perecível.

Inscrições
Os interessados em participar das provas campeiras e atividades artísticas do Rodeio podem realizar suas inscrições pelo telefone: (51) 3488-3095 e 3488-4000, pelo e-mail secretaria@ctgaldeiadosanjos.com.br, ou diretamente na secretaria artística do CTG Aldeia dos Anjos, localizada no Parque de Eventos.

Como chegar
O acesso de carro ao local pode ser realizado pela RS 118 ou, para os demais, utilizando as linhas de ônibus das empresas Sogil, Transcal e Vicasa, que passarão em frente ao Parque de Eventos.
Itinerários e horários podem ser confirmados através dos telefones:

* Sogil – 0800.510.7080 e (51) 3484.8000
* Metroplan – 0800.510.4774
* Vicasa – (51) 3469.6060

Programação desta quarta-feira (24/11/2010)
6h – Alvorada Festiva
8h – Hasteamento de Bandeiras
16h – Laço Troféu Divisa Município (Equipe 10 laçadores)
18h – Arriamento de Bandeiras
– Laço Trio – Homenagem Luiz Dorneles (in memorian)
– Laço Trio (Valendo R$ 1.500,00)

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Resultado ENART 2010

Modalidade: DANÇAS TRADICIONAIS – FORÇA A

1º - DTG CLUBE JUVENTUDE
ALEGRETE - 4ª RT

2º - CTG RANCHO DA SAUDADE
CACHOEIRINHA - 1ª RT

3º - CTG LANCEIROS DE SANTA CRUZ
SANTA CRUZ DO SUL - 5ª RT

4º - CTG LALAU MIRANDA
PASSO FUNDO - 7ª RT

5º - CPF PIÁ DO SUL
SANTA MARIA - 13ª RT

Modalidade: DANÇAS TRADICIONAIS – FORÇA B

1º - CTG CAMINHOS DO PAMPA
PORTO ALEGRE - 1ª RT

2º - DTG LEÃO DA SERRA
SÃO LEOPOLDO - 12ª RT

3º - CTG RODA DE CARRETA
CACHOEIRINHA - 1ª RT

4º - SOCIEDADE GAÚCHA LOMBA GRANDE
NOVO HAMBURGO - 30ª RT

5º - CTG PORTEIRA DA TRADIÇÃO
ELDORADO DO SUL - 1ª RT

Modalidade: CHULA

1º - HENRIQUE ROESE FRAGA
PL TIMBAÚVA
PORTÃO - 15ª RT

2º - LUCIANO SCHEER
CTG AVÔ MARAGATO
IJUI - 9ª RT

3º - SAMUEL DE SOUZA
CTG ESTÂNCIA DO MONTENEGRO
MONTENEGRO - 15ª RT

Modalidade: GAITA PIANO

1º - EZEQUIEL WAGNER DE TONI
CTG LAÇO VELHO
BENTO GONÇALVES - 11ª RT

2º - DIEGO BUCHEBUAN
CTG SINUELO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

3º - GUSTAVO GREGOLIN
CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

Modalidade: GAITA DE BOTÃO ATÉ OITO BAIXOS

1º - GUSTAVO ANTONIO VON MUOLEN
CTG MISSIONEIRO DOS PAMPAS
TRÊS PASSOS - 20ª RT

2º - EVELISE DE ALMEIDA DORNELES
CTG PATRULHA DO OESTE
URUGUAIANA - 4ª RT

3º - LUIS GUSTAVO PEREIRA LINCK
DTG JOSÉ ALTIVO DOS SANTOS
SANTA CRUZ DO SUL - 5ª RT

Modalidade: GAITA DE BOTÃO MAIS DE OITO BAIXOS

1º - TIAGO CAMARGO
CTG SINUELO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

2º - EVELISE DE ALMEIDA DORNELES
CTG PATRULHA DO OESTE
URUGUAIANA - 4ª RT

3º - ALAN PORTELA DA SILVA
CTG JÚLIO DE CASTILHOS
JÚLIO DE CASTILHOS - 9ª RT

Modalidade: GAITA DE BOCA

1º - OSVALDO MACHADO
CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA
VACARIA - 8ª RT

2º - AVENTINO ROSA
DTG GUARDIÕES DO RIO GRANDE
ENCANTADO - 24ª RT

3º - JOÃO CARLOS DA SILVA SPINDOLA
CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO
PORTO ALEGRE - 1ª RT

Modalidade: BANDONEON

1º - CARLOS LUIS ULRIC
CTG RINCÃO DAS COXILHAS
TEUTÔNIA - 24ª RT

2º - ORLANDO GASPAROTTO
CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO
PORTO ALEGRE - 1ª RT

3º - DÉCIO HAUENSTEIN
CTG BENTO GONÇALVES
LAJEADO - 24ª RT


Modalidade: VIOLINO OU RABECA

1º - PEDRO LUIS PANISSON KALTBACH LEMOS
CTG GALPÃO AMIGO
NÃO ME TOQUE - 7ª RT

2º - BERNARDO COUTO VARONE GONÇALVES
AT. ESTÂNCIA DO MINUANO
SANTA MARIA - 13ª RT

3º - LUCIANO DE S. SANTOS
CTG ALDEIA FARROUPILHA
FARROUPILHA - 25ª RT

Modalidade: VIOLÃO

1º - MAURICIO ALESSANDRO MALAGGI
GAN ANITA GARIBALDI
ENCANTADO - 24ª RT


2º - JOSEMAR DIAS
DTG NOEL GUARANY
SANTA MARIA - 13ª RT

3º - ADRIANO MATTOS FREITAS
CTG ESTÂNCIA DE SAPUCAIA
SAPUCAIA DO SUL - 12ª RT

Modalidade: VIOLA

1º - JEAN SOARES PRUDÊNCIO
CTG TROPEIROS DA AMIZADE
SAPUCAIA DO SUL - 12ª RT

2º - NATALÍCIO N. CAVALHEIRO FILHO
CTG GALPÃO AMIGO
NÃO ME TOQUE - 7ª RT

3º - SERGIO BINA DE SOUZA
DTG MARCA GAÚCHA
PORTO ALEGRE - 1ª RT

Modalidade: CONJUNTO INSTRUMENTAL
1º - NOEL GUARANY
DTG NOEL GUARANY
SANTA MARIA - 13ª RT

2º - OS TROPEIROS
CTG TROPEIROS DA AMIZADE
SAPUCAIA DO SUL - 12ª RT

3º - CTG LALAU MIRANDA
CTG LALAU MIRANDA
PASSO FUNDO - 7ª RT

Modalidade: CONJUNTO VOCAL


1º - ACORDES E CANÇÕES
CTG TROPEIROS DA AMIZADE
SAPUCAIA DO SUL - 12ª RT

2º - DT QUERÊNCIA DAS DORES
DT QUERÊNCIA DAS DORES
SANTA MARIA - 13ª RT

3º - CTG LALAU MIRANDA
CTG LALAU MIRANDA
PASSO FUNDO - 7ª RT

Modalidade: INTÉRPRETE SOLISTA VOCAL MASCULINO

1º - FÁBIO JÚNIOR SOARES DE OLIVEIRA
CTG ALDEIA FARROUPILHA
FARROUPILHA - 25ª RT

2º - ANDERSON BARROS DE OLIVEIRA
CTG SINUELO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

3º - ROBSON DA SILVEIRA
DTG LENÇO COLORADO
PORTO ALEGRE - 1ª RT

Modalidade: INTÉRPRETE SOLISTA VOCAL FEMININO

1º - TATIELE BUENO
CTG SINUELO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

2º - HÉLEN ALINE MACHADO DORNELES
CTG RINCÃO DA CAROLINA
SANT. DO LIVRAMENTO - 18ª RT

3º LUGAR
DEBORAH DE FREITAS ROSA
CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA
SANTA MARIA - 13ª RT

Modalidade: TROVA CAMPEIRA (MI MAIOR)


1º - JOÃO VALMOR B. DA ROCHA
PTG JOÃO MANOEL
SÃO BORJA - 3ª RT

2º -CELSO DE OLIVEIRA
CTG VELHA CAMBONA
PORTÃO - 15ª RT

3º - LUIS ONÉRIO PEREIRA
CTG RODEIO DA SAUDADE
CRUZ ALTA - 9ª RT

Modalidade: TROVA DE MARTELO

1° - JOÃO VALMOR B. DA ROCHA
PTG JOÃO MANOEL
SÃO BORJA - 3ª RT

2º - BENI NASCIMENTO
CTG FAMILIA NATIVISTA
CAÇAPAVA DO SUL - 18ª RT

3º - ALAOR MERCHEL
CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

Modalidade: TROVA ESTILO GILDO DE FREITAS

1º - JOÃO VALMOR B. DA ROCHA
PTG JOÃO MANOEL
SÃO BORJA - 3ª

2º - HIDALGO BATISTA RODRIGUES
CTG VOVÔ FLORIAN
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

3º - ALAOR MERCHEL
CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

Modalidade: TROVADOR MAIS POPULAR

JOSÉ JOAQUIM DE JESUS HUGO
CTG CEL. THOMAZ LUIZ OSORIO
PELOTAS - 26ª RT

Modalidade: DECLAMAÇÃO MASCULINA

1º - VINICIUS NARDI
CTG PAISANOS DA TRADIÇÃO
BENTO GONÇALVES - 11ª RT

2º - LUCIANO SALERNO
CTG GAUDÉRIO SERRANO
BENTO GONÇALVES - 11ª RT

3º - ARIEL VAREIRO PEREIRA
CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

Modalidade: DECLAMAÇÃO FEMININA

1º - JÚLIA GRAZIELLA AZAMBUJA DOS SANTOS
CCTG LILA ALVES
PINHEIRO MACHADO - 21ª RT

2º - EVELAINE ANDRÉIA BARBIAN
CPF TERRA DE UM POVO
VENÂNCIO AIRES - 24ª RT


3º - KASSIANA OLIVEIRA DA SILVA
GAN IVI MARAÉ
SÃO LEOPOLDO - 12ª RT

Modalidade: PAJADA


1º - CELSO DE OLIVEIRA
CTG VELHA CAMBONA
PORTÃO - 15ª RT

2º - JOÃO VALMOR B. DA ROCHA
PTG JOÃO MANOEL
SÃO BORJA - 3ª RT

3° - ALAOR MERCHEL
CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO
CAXIAS DO SUL - 25ª RT

Modalidade: CAUSO

1º - CLEINNER DA SILVA TEIXEIRA
CTG TROPEIROS DA QUERÊNCIA
ARROIO GRANDE - 21ª RT

2º - RICARDO G. SALABERRY
DTG ALDEIA DOS FARRAPOS
VIAMÃO - 1ª RT

3° - JESSE SANTOS RODRIGUES
CTG AMARANTO PEREIRA
ALVORADA - 1ª RT

Modalidade: DANÇA GAÚCHA DE SALÃO

1º - LUIZ PAULO TERRES AMARAL FILHO
CAROLINE DE CASTILHOS SILVA
35 CTG
PORTO ALEGRE - 1ª RT

2º - BRUNO SILVEIRA CASSARIEGO
CRISTINE SINARA HERTZER
DTG PIAZITO DA TRADIÇÃO
VENÂNCIO AIRES - 24ª RT


3º - DIEGO DA SILVA
THAMIRES KRUGER ALVES
CTG DARCI FAGUNDES
GUAIBA - 1ª RT

Modalidade: POESIA


1º - LUIS ONÉRIO PEREIRA
CTG RODEIO DA SAUDADE
CRUZ ALTA - 9ª RT

2º - SIDNEY JESUS MATTOS BRETANHA
CTG TROPEIROS DA QUERENCIA
ARROIO GRANDE - 21ª RT

3º - EDERSON MOREIRA DOS SANTOS
CTG POUSADA DA SERRA
NOVA PETROPOLIS - 27ª RT

Modalidade: CONTO

1º - ANDREA BERENICE C. MARTINS
CTG PRESILHA DO PAGO DA VIGIA
SANT. DO LIVRAMENTO - 18ª RT

2º - NILSE T. GALLERT FELIPIN
CTG PASSO DO IJUI
ENTRE-IJUIS - 3ª RT

3º - LUGAR
CESAR JOSÉ TOMAZZINI
CTG CHIMANGOS
PORTO ALEGRE - 1ª RT

Modalidade: CONJUNTO MUSICAL DE INVERNADA

1º - CTG RONDA CHARRUA
FARROUPILHA - 25ª RT

2º - CTG M’BORORÉ
CAMPO BOM - 30ª RT

3º - DTG CLUBE JUVENTUDE
ALEGETE - 4ª RT

Modalidade: MELHOR ENTRADA

1º - CTG RANCHO DA SAUDADE
CACHOEIRINHA - 1ª RT

2º - UNIÃO GAÚCHA J. SIMÕES LOPES NETO
PELOTAS - 26ª RT

3º - CTG ALDEIA DOS ANJOS
GRAVATAI - 1ª R

Modalidade: MELHOR SAÍDA

1º - CTG RANCHO DA SAUDADE
CACHOEIRINHA - 1ª RT

2º - CTG M’BORORÉ
CAMPO BOM - 30ª RT

3º - CTG RONDA CHARRUA
FARROUPILHA - 25ª RT

Modalidade: GRUPO DE DANÇAS MAIS POPULAR

CTG RANCHO DA SAUDADE
CACHOEIRINHA - 1ª RT

Modalidade: MELHOR ACAMPAMENTO

CTG ADAGA VELHA
ROSARIO DO SUL - 18ª RT

Modalidade: 11ª MOSTRA DE ARTE E TRADIÇÃO GAÚCHA – CATEGORIA PEÃO

1° - 18ª REGIÃO TRADICIONALISTA

2º - 15ª REGIÃO TRADICIONALISTA

3º - 7ª REGIÃO TRADICIONALISTA

Modalidade: 11ª MOSTRA DE ARTE E TRADIÇÃO GAÚCHA – CATEGORIA PRENDA


1º - 7ª REGIÃO TRADICIONALISTA

2º - 11ª REGIÃO TRADICIONALISTA

3º - 9ª REGIÃO TRADICIONALISTA

Modalidade: TROFÉU MARCA GRANDE

25ª REGIÃO TRADICIONALISTA

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Nico Fagundes segue hospitalizado

O estado de saúde do apresentador Nico Fagundes, 76 anos, ainda inspira cuidados. Apesar da melhora em relação aos quadros anteriores, ele segue internado na UTI no Hospital Moinhos de Vento, na Capital.

A assessoria do hospital, que mantém contato constante com a equipe médica, informou que a saúde do apresentador está evoluindo bem. Nico permanece no setor de tratamento intensivo para que tenha acompanhamento médico em tempo integral, mas há a possibilidade de ele sair da UTI a qualquer momento.

O apresentador do programa Galpão Crioulo, da RBS TV, sentiu-se mal durante uma viagem a Santa Maria e foi atendido no Hospital da Caridade, onde foi diagnosticado com uma septicemia generalizada (infecção provocada pela ação de uma bactéria). Foi removido no sábado para o Hospital Moinhos de Vento e mantido desde então em coma induzido para combater a infecção.

De acordo com informações da família, Nico Fagundes foi retirado do coma já estava consciente na terça-feira de manhã. Foi desentubado às 15h30min, e ao fim da tarde já estava conversando e completamente lúcido.

De acordo com a mulher do apresentador, Ana Lucia Piagetti Fagundes, Nico declarou-se comovido com a repercussão, as manifestações de apoio e as orações em seu nome.

— Ele pediu para agradecer pessoalmente todas as manifestações de carinho que chegaram até a família. Disse que o susto foi muito grande, mas que agora já está se preparando para voltar o mais breve possível para o Galpão Crioulo — disse Ana.

Presidência do MTG 2011

Estamos a poucos meses da eleição que designará a nova Presidência do MTG. São 2 chapas inscritas, e cabe a nós tradicionalistas conhecermos as propostas, as possíveis mudanças e melhorias que estão sendo divulgadas por estes candidatos. O futuro do nosso movimento depende de nós tradicionalistas, depende do nosso interesse, da nossa vontade de querer um Movimento Tradicionalista Gaúcho digno de nossa história, nossa cultura e tradição.
São muitas as competências, grandes eventos realizados... porém sempre tem o que melhorar. Não vou ir contra os princípios do movimento e dizer que é uma entidade "desorganizada", mas sei que alguns setores precisam sim de uma maior organização, tanto por parte de quem coordena as regiões e seus departamentos, quanto de quem está lá no MTG tomando certas decisões. Digo isso por que já estive bastante envolvida em agumas questões, algumas delas não muito agradáveis... mas que nos fazem abrir os olhos e ver que nem tudo é um conto de fadas.

Deixo agora os blogs dos canditados, os quais voces podem acessar frequentemente e acompanhar as propostas, as idéias e as competências da pessoa que em um futuro breve estará a frente de nosso Movimento.

Flávio Belmonte R. da Silva
http://uniaopelatradicao.blogspot.com


Erival Bertolini
http://bertolinipresidente.blogspot.com

Portal MTG

No próximo dia 19, em Santa Cruz do Sul, será lançado o Portal MTG, uma parceria entre o Movimento Tradicionalista e a operadora Oi, patrocinadora oficial do MTG. A proposta é criar um ambiente de integração entre as entidades tradicionalistas, além de concentrar em um único local a divulgação e agenda de eventos de cada CTG.

Um estudo realizado pela operadora identificou que as entidades criam um número significativo de informações, porém, sem se comunicar efetivamente com o resto do Movimento. Até agora, este conteúdo estava pulverizado em canais de baixa audiência, pouca organização e nenhuma possibilidade de interação.

O lançamento oficial do Portal MTG acontece sexta-feira, à noite, durante a abertura do Encontro de Arte e Tradição Gaúcha (ENART). Além de representantes do tradicionalismo, já foi confirmada a presença de diretores da Oi, que virão do centro do país, exclusivamente para marcar o momento.

ENART comemora 25 anos

O maior festival artístico-amador da América Latina – o Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (ENART) – comemora 25 anos em 2010. A fase final do evento inicia na próxima quinta-feira, dia 18, em Santa Cruz do Sul, a partir das 19h, com um grande show de abertura, que contará com artistas como Marcelo Caminha, a dupla César Oliveira e Rogério Mello, Gaúcho Pachola, entre outros.

A abertura oficial do evento será dia 19, sexta-feira, às 18h, no Palco A (Ginásio Poliesportivo), do Parque da Oktoberfest. Neste ato, além da apresentação da invernada de dança do CTG Aldeia dos Anjos, serão homenageados com placas comemorativas aos 25 anos do evento 25 pessoas e instituições que ajudaram a construir e solidificar o ENART como um dos principais eventos artísticos para o povo gaúcho. Entre as instituições, destacam-se o Governo do Estado do Rio Grande do Sul, a Assembleia Legislativa, o Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore, além de representantes do tradicionalismo, como os ex-presidentes do MTG.

A 11ª Mostra de Arte e Tradição Gaúcha, evento paralelo ao ENART, trará como tema para as prendas, “Acessórios da indumentária feminina”, e para os peões, o temário será “Botas”. A proposta da Mostra é divulgar as atividades de cunho folclórico e de valorizar aspectos interessantes das culturas regionais do Estado. A primeira mostra ocorreu no ano de 2000.

Assim como no ano passado, também haverá a transmissão do evento pela internet. Para 2010, além da categoria Força A das Danças Tradicionais, também será transmitido as modalidades: Força B de Danças Tradicionais, Declamação Masculina e Feminina, Chula e Intérprete Solista Vocal Masculino e Feminino. Todas as instruções de como proceder para assistir ao evento ao vivo estão disponíveis no site www.enart.org, assim como a programação das provas e modalidades.

Modalidades:
Danças Tradicionais – Força A
Danças Tradicionais – Força B
Danças Gaúchas de Salão
Chula
Gaita Piano
Gaita de botão até 8 baixos
Gaita de botão mais de 8 baixos
Gaita de boca
Bandoneon
Violino ou Rabeca
Violão
Viola
Conjunto Instrumental
Conjunto Vocal
Intérprete Solista Vocal Masculino
Intérprete Solista Vocal Feminino
Trova Campeira (mi maior de gavetão)
Trova de Martelo
Trova Estilo Gildo de Freitas
Declamação Masculina
Declamação Feminina
Pajada
Causo

Fonte: Blog do MTG

Tá chegaando pessoal.
É amanhã que começa nosso evento tãão esperado \o/
Um forte abraço, e até lá!

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Programação ENART 2010

Dia 18 - Quinta-feira
19:00 Show Jubileu de Prata - Palco A

Dia 19 - Sexta-feira
18:00 Abertura Oficial - Palco A
19:00 Dança de Salão - Palco D
21:15 Sorteio 1º Grupo (força A) - Palco A
21:15 Sorteio 1º Grupo (força B) - Palco F
21:30 Danças Bloco 1 (força A) - Palco A
21:30 Danças (força B) 9 grupos - Palco F

Dia 20 - Sábado
08:00 às 10:00 11ª Mostra Folclórica - Montagem da Mostra - Palco B
08:45 Sorteio 1º Grupo - Palco A
09:00 Danças Bloco 2 - Palco A
09:00 Declamação Feminina - Palco C
09:00 Chula - Palco D
09:00Gaita Piano e Botão (até e mais de 8 baixos) Gaita de boca - Bandoneon - Palco E
09:00 Danças Tradicionais Força B - Palco F
10:00 às 12:00Avaliação Bloco 1 - Palco B
10:00 Causos - Palco G
12:00 às 14:00Avaliação Bloco 2 - Palco B
12:00 Intérprete solista - Vocal Fem. - Palco D
12:45 Sorteio 1º Grupo - Palco A
13:00 Danças Bloco 3 - Palco A
14:00 às 16:00Avaliação Bloco 3 - Palco B
14:00 Pajada - Trovas Campeira, de Martelo e de Estilo Gildo de Freitas (Classif.) - Palco G
15:00 Declamação Masc. (Classif) - Palco C
16:45 Sorteio 1º Grupo - Palco A
17:00 Danças Bloco 4 - Palco A
18:00 às 20:00Mostra Folclórica - Palco B
18:00 Chula - Palco D
19:00 Intérprete solista - Vocal Masc. (Classif.) - Palco D
20:00 Encerramento - Palco B
20:45 Apresentação - Palco A
21:00 Sorteio 1º Grupo - Palco A
21:15 Danças Bloco 5 - Palco A

Dia 21 - Domingo
08:45 Sorteio 1º Grupo - Palco A
09:00 Danças (10 Grupos) - Palco A
09:00 Danças de Salão (Final) - Palco B
09:00 Declamações Fem./Masc. (Final) - Palco C
09:00 Chula (Final) - Palco D
09:00 Conj. Instr. Violino ou Rabeca, viola, violão - Palco E
10:00 Intérprete Sol. Vocal Fem. (Final) - Palco D
10:00 Danças Tradicionais Força B - Palco F
10:00 Pajada - Trovas Campeira, de Martelo e de Estilo Gildo de Freitas (Finais) - Palco G
12:00 Intérprete Sol. Vocal Masc. (Final) - Palco D
14:00 Sorteio 1º Grupo - Palco A
14:15 Danças (10 Grupos) - Palco A
15:00 Conjunto Vocal - Palco D
19:00 Solenidade de Encerramento

Localização dos Palcos
Palco A - Ginásio Poliesportivo
Palco B - Pavilhão 3
Palco C - Bier Haus
Palco D - Pavilhão Central
Palco E - SindiTabaco
Palco F - Pavilhão 2
Palco G - Praça de Alimentação

Notícias ENART 2010

INGRESSOS
O Enart 2010 fechou uma parceria com a empresa Imply, esta que disponibilizará um controle inovador de acesso ao parque da Oktoberfest.

Logo o evento contará com os os seguintes tipos de ingressos:
Inteiro R$ 6,00 (público em geral)
Meia R$ 3,00 (estudantes com carteira estudantil em vigor ou idosos acima de 60 anos)
Permanente R$ 15,00 (permite a entrada e saída ilimitada ao evento e conta com o credenciamento com foto, este é intrasferível)
  • Todos os participantes que forem competir na 25º edição do Enart contarão com uma credencial intrasferìvel, com foto e dados do participante.
  • Crianças até 6 anos de idade tem entrada franca.
  • Para aquisição dos ingressos contaremos com dois pontos de venda, no portão principal na bilheteria e no ginásio poliesportivo, na sua respectiva bilheteria.
  • Lembrando que dia 18/11/2010 será entrada franca no parque para o Show de 25 anos do Enart - Jubileu de Prata. 
ACESSO AO PARQUE DA OKTOBERTFEST
Na 25º edição do Enart contaremos com um grande fluxo de pessoas no parque o que impedirá o acesso a veículos, logo todo e qualquer veículo(carro, onibus, moto e demais veículos) que necessitar descarregar no parque terá sua entrada conduzida e após descarregar será obrigado a mover seu veículo para o estacionamento ou para uma vaga nas proximidades do parque.

Os valores do estacionamento serão:
Onibus R$ 25,00
Carro R$ 10,00
Moto R$ 5,00

Não tendo limite de tempo de permanência, somente será cobrado na entrada do estacionamento.
O estacionamento contará com segurança 24 horas.

     ENART 2010

    Sonhos existem para serem vividos.

    Ontem me dei o direito de por mais uma vez voltar os meus pensamentos àqueles dias que me fizeram uma pessoa plenamente realizada. Desde maio, por inúmeras vezes esses momentos vieram a tona, é mais forte do que eu a vontade de olhar aquelas fotos, aqueles vídeos... tendo a saudade apertando no peito e a emoção que ainda hoje enche meus olhos, como naqueles dias em Santa Maria.

    Lembrando de cada momento, cada abraço que recebi, cada palavra confiante que ouvi, cada olhar que me encheu de coragem e me fez enfrentar toda dificuldade de chegar ao Concurso Estadual de Prendas sem o apoio sincero de quem mais deveria me ajudar. É, deveria. Porque não ajudou. Aliás, nem fez questão.

    Raiva? Talvez seja essa sim a explicação pra o que sinto, mas nada disso prevalece quando penso em tudo de bom que me aconteceu, apesar desse sentimento ruim que existiu e ainda existe em mim. O carinho e amor que sinto pelas pessoas que me ajudaram e me fizeram chegar lá me sentindo confiante é muito mais forte, mesmo que esta mágoa esteja presente.

    "O que não me mata me fortalece!" É por essas e outras que cumpri minha missão com satisfação, com orgulho... e me senti vitoriosa.
    Aquele sábado em Santa Maria, foi o mais triste e o mais feliz da minha vida! Ainda hoje, depois de 5 meses após o concurso ainda não encontrei palavras pra descrever todo aquele sentimento, o nervoso, a ansiedade! Tudo foi muito intenso, verdadeiro, sincero.

    E hoje estamos aqui, contado os dias, as horas pro ENART... mais um sonho.
    Sonho de 99% dos dançarinos tradicionalistas, sonho de quem vive cultura e respira tradicionalismo. Tive uma parte desse sonho realizado em agosto, quando com meu grupo pude entrar na pista de nossa Inter-Regional. Foi apenas uma parte do sonho, porém isso faz com a gente acredite mais e mais que é possível, desde que tenha dedicação, esforço. Com isso, vem a recompensa. Não  procuro culpados... apenas encontro amigos que junto comigo se esforçaram! Uns mais, outros menos. Talvez por isso a não classificação.

    Enfim, falta apenas uma semana pra este que é o MAIOR E MELHOR Evento Tradicionalista, onde muitos sonhos se realizam e outros nascem... onde passamos em média 60 horas vivendo sob grandes espetáculos, verdadeiros shows de artistas que encantam o Rio Grande de Sul com seus dons; a dança, o canto, a declamação, o som da viola e da gaita, a habilidade nas trovas e na chula... e muito, muito mais.

    Na sexta-feira pela manhã já estarei rumo a Santa Cruz do Sul, pronta pra apreciar todas as belezas que nos enchem os olhos de admiração e de encantamento.

    Mais uma vez, deixo com carinho meus votos de BOA SORTE  a todos os concorrentes, em especial aos representantes da 24ª Região Tradicionalista.

    Um ótimo feriadão a todos.
    Com carinho.

    quinta-feira, 11 de novembro de 2010

    Palavra de Presidente

    Estamos novamente nos aproximando do final do ano. Durante os últimos dez meses, vencemos um número bastante expressivo de eventos, em diversas querências do nosso Rio Grande. Seria impossível – a não ser envolvendo um grande número de pessoas e de recursos, mensurar o que representa a organização de tais iniciativas para o Estado. Não me refiro unicamente aos tradicionalistas, mas inclusive aos diversos setores produtivos do Rio Grande do Sul. Paremos um minuto para pensar e logo ficaríamos impressionados. São milhões de tradicionalistas utilizando transporte, hospedagem, alimentação, e muitos outros serviços pelo Rio Grande afora.

    Paralelamente, e principalmente, existe a importância imediata e primeira destas ações, que visa sempre a preservação e a manutenção dos valores do gaúcho e dos princípios e costumes por nós defendidos. Desde os eventos mais internos, voltados para o debate e a avaliação dos regulamentos e normas do tradicionalismo, como o Congresso e a Convenção, até eventos abertos ao grande público, como Festa Campeira do Rio Grande do Sul, Ciranda de Prendas, Entrevero de Peões e Enart.

    Este último – o Encontro de Artes e Tradição Gaúcha, que terá sua fase final a ser realizada no terceiro final de semana de novembro, é um exemplo próximo do quão importante é o nosso trabalho.

    Muito mais do que uma competição entre invernadas artísticas, trovadores e chuleadores, o Enart é um momento de integração entre os tradicionalistas e a sociedade, com o objetivo primeiro de mostrar a beleza de nossas artes. Quando participo de interregionais e mesmo quando caminho pelo Parque da Oktoberfest, e encontro jovens realizando os últimos ensaios, ali mesmo, na boca do palco, encho-me de orgulho por ter tido a honra de dirigir este Movimento. Participar de um festival como aquele, mais do que ganhar um troféu ou destaque outro qualquer, é a oportunidade de produzir uma lembrança, uma memória, que jamais será esquecida. Quem tem a chance de dançar em um tablado, improvisar uma trova, não está apenas satisfazendo uma vontade pessoal. Sem dúvida nenhuma, está levando a tradição gaúcha adiante. Está dizendo ao mundo o orgulho que sente por ter nascido nessa terra e que está ali não unicamente para ganhar ou para se diferenciar, mas principalmente para afirmar que pertence à este povo.

    Para muitas pessoas, para aquelas pessoas que não conseguem compreender o sentido e o valor de pertencer e participar desse momento, a ciência de que todo este caminho continuará a ser trilhado ano após ano pode parecer exaustivo e até mesmo entediante. Para mim, que compreendo e assumo o meu compromisso como tradicionalista, a ideia de que todo este movimento será repetido pelos próximos anos é reconfortante e, mais, a certeza de que o Rio Grande do Sul continua no caminho certo. Assim, e somente assim, o Rio Grande será cada vez mais Rio Grande.

    Oscar Fernande Gress
    Presidente do MTG

    Blog do MTG

    segunda-feira, 8 de novembro de 2010

    Antônio Augusto Fagundes

    Antonio Augusto ("Nico") Fagundes nasceu em 4 de novembro de 1934, no Inhanduí, interior do município do Alegrete-RS, - local de tradicionais famílias campeiras da fronteira - filho de Euclides Fagundes e Florentina (Mocita) da Silva Fagundes.

    Foi escoteiro e fundador, sub-chefe e chefe da Tropa "Anhangüera". Na época de estudante destacou-se como poeta e declamador.

    Iniciou a carreira jornalística em 1950, aos 16 anos, no jornal Gazeta de Alegrete, o mais antigo do Rio Grande do Sul, nas funções de cronista e repórter. No mesmo período começou a atuar na Rádio ZYE9 - Rádio Alegrete, apresentando programas humorísticos e gauchescos.
    Foi secretário dos Cadernos do Extremo Sul, publicações que sob a direção de Helio Ricciardi, lançou diversos poetas da cidade de Alegrete.

    Em 1954, mudou-se para Porto Alegre e é como poeta que é apresentado ao 35 CTG - Centro de Tradições Gaúchas, por intermédio do poeta Lauro Rodrigues. E nunca deixou de fazer verso.

    Tornou-se amigo e companheiro de Waldomiro Souza, Horácio Paz, João Palma da Silva, Amandio Bicca, Niterói Ribeiro, Luiz Menezes, José Hilário Retamozo, Hugo Ramirez, João da Cunha Vargas, ou seja, a fina flor da poesia gauchesca da época, que frequentava o rodeio do 35 CTG, às quartas de noite e aos sábados de tarde, na Av. Borges de Medeiros, no quinto andar da FARSUL.

    Conhece, então, e torna-se amigo de Jayme Caetano Braun, cujo ingresso no 35 CTG vai amadrinhar.
    No mesmo ano, tornou-se redator do Jornal A Hora, no qual atuou durante muitos anos com a página Regionalismo e Tradição.

    O encontro de Antonio Augusto Fagundes, por esta época, com Glaucus Saraiva foi histórico: vinham de uma briga pelos jornais, mas quando se encontraram, foi amor à primeira vista, uma amizade tão forte que nem a morte de Glaucus conseguiu interromper.

    Pelas páginas do jornal A Hora, lançou Jayme Caetano Braun e dois moços que estavam aparecendo com muita força: Aparício Silva Rillo e José Hilário Retamozo. O prestígio que emprestava à obra de outros poetas não fez com que descurasse de sua própria poesia.

    Ganhou prêmios e concursos em Vacaria, Alegrete e em Porto Alegre.
    Em 1955, passou a fazer parte do Instituto de Tradições e Folclore da Divisão de Cultura do Estado. Durante oito anos fez formação em folclorismo, especializando-se em Cultura Afro-gaúcha. Tornou-se professor de danças folclóricas e literatura gauchesca no Instituto de Tradições e Folclore. Viajou para a Europa como sapateador do Grupo Gaudérios, morando em Paris por quatro meses.
    Iniciou pesquisas de indumentária gaúcha, tornando-se a maior autoridade sobre o assunto no Rio Grande do Sul.

    Foi contratado pela TV Piratini para atuar como ator.
    Foi um dos fundadores do Conjunto de Folclore Internacional, batizado de Os Gaúchos, e do qual foi diretor durante 15 anos.

    Fundou, no Instituto de Tradições e Folclore, a Escola Gaúcha de Folclore, de nível superior, que funcionou durante seis anos. Atuou como titular nas cadeiras de danças folclóricas e indumentária gaúcha. Foi diretor da escola durante seis anos.

    No início da década de 1960, conquistou o primeiro lugar em concurso literário promovido pelo Instituto Estadual do Livro, com a obra Destino de Tal. Pouco depois passou a trabalhar na TV Tupi.
    Em 1960, ingressou na Faculdade de Direito de Porto Alegre. No mesmo ano, casou-se com Marlene Nahas.

    Formado em Direito, pós-graduado em História do Rio Grande do Sul e Mestre em Antropologia Social, todos os seus cursos foram realizados na Universidade Federal do RGS (UFRGS).
    Por todas essas suas qualificações, Antonio Augusto Fagundes é respeitado como autoridade em Folclore gaúcho, História do Rio Grande do Sul, Antropologia, Religiões afro-gaúchas, Indumentária gauchesca, Cozinha gauchesca e danças folclóricas.

    Além disso, sempre deu a devida importância à dupla ligação da cultura gaúcha, com o outro Brasil e com os países do Prata. Tornou-se, assim, com o tempo e apoiado em uma biblioteca preciosa, um estudioso sério, respeitado e aclamado no Rio Grande do Sul, no Uruguai e na Argentina, conferencista bilíngüe e autor de inúmeras obras de consulta obrigatória.

    Entretanto, a face menos conhecida deste intelectual brilhante, é também sua face mais antiga, a de poeta.

    Ganhou prêmios e distinções importantes, como a Medalha do Pacificador, do Exército Brasileiro, a Comenda Osvaldo Vergara, da Ordem dos Advogados do Brasil, da qual é também advogado jubilado, e a Comenda do Mérito Oswaldo Aranha (esta última, em 24-10-08, da Prefeitura de Alegrete).

    Premiado incontáveis vezes como poeta, novelista, compositor, autor e ator de teatro, TV e cinema.
    Escreveu o roteiro do filme "Para Pedro". Atuou como ator, assistente de direção e consultor de costumes do filme "Ana Terra".

    Escreveu o roteiro, dirigiu e trabalhou como ator no filme "Negrinho do Pastoreio", com Grande Otelo. Atuou ainda como ator no filme "O Grande Rodeio", o qual também produziu e dirigiu.
    Em 1976, ingressou na Fundação Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore.

    Desde 1982 apresenta pela RBS TV (afiliada da TV Globo) o programa Galpão Crioulo, o que já lha rendeu três prêmios internacionais: em Buenos Aires, em Nova York e na Cidade do México.
    Em 1984, passou a apresentar o mesmo programa na Rádio Gaúcha.

    No mesmo ano voltou a atuar no jornalismo, escrevendo no jornal Zero Hora - uma coluna semanal que mantém até hoje.

    Em 1998, comandou em Paris, a apresentação do Grupo "Os Gaúchos".
    No mesmo ano escreveu a peça teatral A Proclamação da República Rio-grandense".

    Ao longo de sua carreira recebeu diversos prêmios, entre os quais, Prêmio Copa Festivales de España, Medalha de Bronze da Televisão Mundial pelo programa "Galpão Crioulo" e o Troféu Guri da Rádio Gaúcha. Recebeu inúmeros prêmios em poesia, canções gauchescas, declamações, danças folclóricas e teses. É autor de mais de 100 músicas, entre as quais, "O canto Alegretense".

    "O Canto Alegretense", música em que os versos são de sua autoria, é mais cantado que o próprio Hino de Alegrete.
    Publicou seu primeiro livro de versos "Com a Lua na Garupa" e depois o segundo "Ainda com a Lua na Garupa".

    O terceiro tem o nome de "Canto Alegretense", nome tirado da canção famosa cujos versos escreveu. Aliás, neste livro aparecem muitas letras das suas canções mais famosas dentre as 370 gravadas e regravadas por vários intérpretes e parceiros.

    Da fina flor da poesia gauchesca, da época de ouro, de poesia crioula só Antonio Augusto Fagundes continua em atividade, mantendo acesa a chama.

    O velho poeta de hoje, de sempre, continua o mesmo guri que ficava horas com um caniço nas mãos, esquecido dos peixes, apenas bebendo a imensa poesia das mansas águas do Rio Ibirapuitã.

    OS FAGUNDES
    Em 24 de outubro/2008, os autores da música Canto Alegretense, Antônio Augusto (Nico) e Euclides Fagundes Filho (Bagre) receberam a Comenda do Mérito Oswaldo Aranha em reconhecimento ao seu destacado trabalho no cenário musical estadual, nacional e até fora do país.

    A Comenda Oswaldo Aranha é outorgada pelo município de dois em dois anos, a no máximo cinco cidadãos que, através de seu trabalho artístico, cultural ou intelectual, levam o nome do Alegrete além dos seus limites geográficos.

    A música CANTO ALEGRETENSE tornou-se um verdadeiro hino em todo o Rio Grande do Sul e foi considerada, através de decreto da Prefeitura Municipal do Alegrete (jan/2009), com valor de excepcional relevância artística, o que levou o Prefeito a efetuar o tombamento provisório da mesma, junto com outros bens e monumentos do município de Alegrete.

    Na estrada próxima à cidade de Alegrete-RS (BR-290), foram instaladas várias placas (outdoors) com todos os versos do Canto Alegretense.

    CANTO ALEGRETENSE
    (Letra de Antônio Augusto Fagundes e música de Euclides Fagundes)

    Não me perguntes onde fica o Alegrete
    Segue o rumo do teu próprio coração
    Cruzarás pela estrada algum ginete
    E ouvirás toque de gaita e de violão.

    Pra quem chega de Rosário ao fim da tarde
    ou quem vem de Uruguaiana de manhã,
    tem o sol como uma brasa que ainda arde
    Mergulhado no rio Ibirapuitã.

    Estribilho:
    Ouve o canto gauchesco e brasileiro,
    Desta terra que eu amei desde guri;
    Flor de tuna, camoatim de mel campeiro,
    Pedra moura das quebradas do Inhanduí.

    E na hora derradeira que eu mereça,
    Ver o sol alegretense entardecer,
    Como os potros vou virar minha cabeça,
    Para os pagos no momento de morrer.

    E nos olhos vou levar o encantamento,
    desta terra que eu amei com devoção.
    Cada verso que eu componho é o pagamento,
    De uma dívida de amor e gratidão.


    Fonte: Site Assis Brasil

    quinta-feira, 4 de novembro de 2010

    24ª RT no ENART 2010

    Bom diiia pessoal!
    Faltam apenas 15 dias para o tão esperado ENART, e venho lhes trazer hoje a lista dos representantes da 24ª Região Tradicionalista no evento.
    BOA SORTE a todos! Estarei lá torcendo por vocês ;)

    Danças Tradicionais Força B
    04. CPF TERRA DE UM POVO - VENÂNCIO AIRES
    19. DTG GUARDIÕES DO RIO GRANDE - ENCANTADO
    21. CTG PORTEIRA DOS PAMPAS - TEUTÔNIA
    43. CTG POUSADA DOS TROPEIROS - FAZENDA VILA NOVA

    Chula
    04. LUCAS DORNELLES - DTG GUARDIÕES DO RIO GRANDE

    Gaita Piano
    21. JULIANO RABAIOLLI - CTG GIUSEPPE GARIBALDI
    27. LEODI LUIZ PAVI - CTG RINCÃO DAS COXILHAS

    Gaita de Boca
    06. AVENTINO ROSA - DTG GUARDIÕES DO RIO GRANDE
    13. ROGÉRIO BENHUR RECH - DTG GENERAL CANABARRO

    Bandoneon
    03. DÉCIO HAUENSTEIN - CTG BENTO GONÇALVES
    04. CARLOS LUIS ULRICH - CTG RINCÃO DAS COXILHAS

    Violão
    07. MAURICIO ALESSANDRO MALAGGI - GAN ANITA GARIBALDI
    09. MAURICIO DALLÉ - GAN ANITA GARIBALDI
    19. AVENTINO ROSA - DTG GUARDIÕES DO RIO GRANDE

    Conjunto Instrumental
    11. CTG RINCÃO DAS COXILHAS
    13. CTG GIUSEPPE GARIBALDI

    Conjunto Vocal
    09. DTG GUARDIÕES DO RIO GRANDE

    Intérprete Solista Vocal Masculino
    30. RANIERI ZILIO MORIGGI - GAN ANITA GARIBALDI

    Intérprete Solista Vocal Feminino
    01. MARLA LOURIANE DE OLIVEIRA - CTG ERVA MATE
    03. MARIANA RAFAELA DA ROCHA - CTG BENTO GONÇALVES
    25. LAURA BASTIANEL - GAN ANITA GARIBALDI

    Trova Campeira - Mi Maior de Gavetão
    04. MIGUEL QUEIROZ DA CUNHA - CTG TROPILHA FARRAPA

    Declamação Masculina
    25. MAICON JULIANO GERHARDT - CTG QUERO QUERO

    Declamação Feminina
    04. EVELINE FRANCIELI LINEMANN - CTG POUSADA DOS TROPEIROS
    21. LIARA CRISTINA DA ROCHA - CTG BENTO GONÇALVES
    32. EVELAINE ANDRÉIA BARBIAN - CPF TERRA DE UM POVO

    Causo
    01. GERSON AURÉLIO GRABIN - CTG RINCÃO DAS COXILHAS
    24. LEODI LUIZ PAVI - CTG RINCÃO DAS COXILHAS

    Dança Gaúcha de Salão
    08. LUIZ FERNANDO BRUXEL - CTG PORTEIRA DOS PAMPAS
    MÔNICA WERMEIER - CTG PORTEIRA DOS PAMPAS
    23. FÁBIO ADRIANO LAUTERT - DTG GENERAL CANABARRO
    ROBERTA NEUBERGER - DTG GENERAL CANABARRO
    27. BRUNO SILVEIRA CASSARIEGO - DTG PIAZITO DA TRADIÇÃO
    CRISTINE SINARA HERTZER - DTG PIAZITO DA TRADIÇÃO
    30. GUILHERME MANTOVANI BAUMGARTEN - DTG GENERAL CANABARRO
    ANALÚ SIMM BARBIERI - DTG GENERAL CANABARRO

    quarta-feira, 27 de outubro de 2010

    Noite Cultural em Arroio Grande Superior

    O Dia da Cultura, 05 de Novembro, será especialmente comemorado no município, através de mais uma edição do projeto Noites Culturais.

    Com o objetivo de fomentar as atividades culturais de bairros e comunidades do interior, a administração municipal Arroio do Meio Terra de Todos Nós e Núcleo Municipal de Cultural, juntamente com a comunidade de Arroio Grande Superior, promovem uma noite especial para a cultura arroio-meense.

    A Noite Cultural inicia às 20h30min, no salão da comunidade católica São Jacó, Arroio Grande Superior, com a presença dos grupos culturais convidados, coral Vozes da Forqueta e invernada artística do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Querência do Arroio do Meio, mais as atrações locais.

    Após as apresentações, a comunidade promove uma galinhada de integração, acompanhada de saladas. Os cartões para a janta podem ser adquiridos antecipadamente ao preço de R$ 10, (acima de 12 anos) e R$ 5, (05 a 11 anos), na recepção da Secretaria de Educação e Cultura e com os organizadores do evento.

     Invernada Artística do CTG Querência do Arroio do Meio

    Prefeitura Municipal de Arroio do Meio

    Ordem de Apresentação - ENART 2010

    Bom diiia gauchada!
    Agora sim temos a ordem de apresentação do ENART 2010, definida ontem em sorteio realizado pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho! Concorrentes de todo o estado acompanharam o momento do sorteio, sob muita expectativa. Temos pela frente 21 dias de muita ansiedade, esperando o grande evento chegar! Barracas, lonas, colchão inflável e pilchas em ordem? Então é só contar os dias :)

    Ordem de Apresentação
    DANÇAS TRADICIONAIS FORÇA A


    BLOCO 1
    01. CTG BENTO GONÇALVES - SANTA MARIA - 13ª
    02. CTG POTREIRO GRANDE - TRAMANDAI - 23ª
    03. CTG CAMPO DOS BUGRES - CAXIAS DO SUL - 25ª
    04. CTG ESTÂNCIA GAÚCHA - CANOAS - 12ª
    05. CTG HERÓIS FARROUPILHAS - CAXIAS DO SUL - 25ª
    06. DTG LENÇO COLORADO - PORTO ALEGRE - 1ª
    07. CTG TIARAYU - PORTO ALEGRE - 1ª
    08. CTG OS TEATINOS - RIO GRANDE - 6ª

    CTG LANCEIROS DE SANTA CRUZ - SANTA CRUZ DO SUL - 5ª

    BLOCO 2

    01. CTG PORTEIRA VELHA - NOVO HAMBURGO - 30ª
    02. GAN IVI MARAÉ - SÃO LEOPOLDO - 12ª
    03. DTG A. A. SOUZA CRUZ - SANTA CRUZ DO SUL - 5ª
    04. CTG CHILENA DE PRATA - ALVORADA - 1ª
    05. DT QUERÊNCIA DAS DORES - SANTA MARIA - 13ª
    06. CTG OS FARRAPOS - PELOTAS - 26ª
    07. CTG COXILHA DE RONDA - SANTIAGO - 10ª
    08.CTG CARRETEIROS DO SUL - PELOTAS - 26ª

    BLOCO 3
    01. CTG TRÍPLICE ALIANÇA - URUGUAIANA - 4ª
    02. CTG FARROUPILHAS - SANTA MARIA - 13ª
    03. DTG CLUBE JUVENTUDE - ALEGRETE - 4ª
    04. CTG CLUBE FARROUPILHA - IJUI - 9ª
    05. CPF PIÁ DO SUL - SANTA MARIA - 13ª
    06. CTG RINCÃO DA ALEGRIA - SANTA CRUZ DO SUL - 5ª
    07. CTG ESTÂNCIA DA SERRA - OSÓRIO - 23ª
    08. CTG GILDO DE FREITAS - PORTO ALEGRE - 1ª

    BLOCO 4
    01. CTG JOÃO SOBRINHO - CAPÃO DA CANOA - 23ª
    02. UNIÃO GAÚCHA J. SIMÕES LOPES NETO - PELOTAS - 26ª
    03. CTG ALDEIA DOS ANJOS - GRAVATAÍ - 1ª
    04. GTCN VELHA CARRETA - CAXIAS DO SUL - 25ª
    05. CTG GUAPOS DO ITAPUI - CAMPO BOM - 30ª
    06. CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO - CAXIAS DO SUL - 25ª
    07. CTG NEGRINHO DO PASTOREIO - PELOTAS - 26ª
    08. CTG LAÇADORES ESTEIO DE JAPEJÚ - URUGUAIANA - 4ª

    BLOCO 5
    01. CTG VAQUEANOS DA TRADIÇÃO - PORTO ALEGRE - 1ª
    02. CTG RODEIO DA QUERÊNCIA - FREDERICO WESTPHALEN - 28ª
    03. CTG M´BORORÉ - CAMPO BOM - 30ª
    04. CTG RANCHO DA SAUDADE - CACHOEIRINHA - 1ª
    05. CTG RONDA CHARRUA - FARROUPILHA - 25ª
    06. DT CONTINENTE DE SÃO PEDRO - CRUZ ALTA - 9ª
    07. DTG CANDEEIRO CRIOULO - PELOTAS - 26ª
    08. CTG LALAU MIRANDA - PASSO FUNDO - 7ª

    CTG CEL THOMAZ LUIZ OSÓRIO - PELOTAS - 26ª

    DANÇAS TRADICIONAIS FORÇA B


    01. CAAMI FOLCLORE E ARTE NATIVA - SÃO SEPÉ - 13ª
    02. CTG RODEIO DA SAUDADE - CRUZ ALTA - 9ª
    03. CTG RODA DE CARRETA - CACHOEIRINHA - 1ª
    04. CPF TERRA DE UM POVO - VENÂNCIO AIRES - 24ª
    05. DTG TANGARÁ - RIO GRANDE - 6ª
    06. CTG GASPAR SILVEIRA MARTINS - AJURICABA - 9ª
    07. CTG TROPEIROS DA AMIZADE - SANTA CRUZ DO SUL - 5ª
    08. GAN VAQUEANOS DA CULTURA - SOLEDADE - 14ª
    09. CTG GAL. ANTONIO DE SOUZA NETTO - RIO GRANDE - 6ª
    10. CTG GAUDÉRIO SERRANO - BENTO GONÇALVES - 11ª
    11. PIQUETE OS LANCEIROS DE MAUÁ - ARROIO GRANDE - 21ª
    12. DTG NOEL GUARANY - SANTA MARIA - 13ª
    13. CTG SENTINELA DA SAUDADE - PELOTAS - 26ª
    14. CTG LAÇO DA QUERÊNCIA - PORTO ALEGRE - 1ª
    15. CTG TIARACY - PORTÃO - 15ª
    16. SOCIEDADE GAÚCHA LOMBA GRANDE - NOVO HAMBURGO -30ª
    17. CTG CANDEEIRO DA AMIZADE - VERA CRUZ - 5ª
    18. 35 CTG - PALMEIRA DAS MISSÕES - 17ª
    19. DTG GUARDIÕES DO RIO GRANDE - ENCANTADO - 24ª
    20. DTG LEÃO DA SERRA - SÃO LEOPOLDO - 12ª
    21. CTG PORTEIRA DOS PAMPAS - TEUTÔNIA - 24ª
    22. CTG ESTÂNCIA DO COTIPORÃ - IVOTI - 30ª
    23. CTG ESTÂNCIA DE RIO PARDO - RIO PARDO - 5ª
    24. CTG 20 DE SETEMBRO - SANTO ÂNGELO - 3ª
    25. GF CHÃO BATIDO - IJUI - 9ª
    26. CTG LAUREANO MEDEIROS - IJUI - 9ª
    27. CTG AMARANTO PEREIRA - ALVORADA - 1ª
    28. CTG PORTEIRA DA TRADIÇÃO - ELDORADO DO SUL - 1ª
    29. CTG GALPÃO DE ESTÂNCIA - SÃO LUIZ GONZADA - 3ª
    30. CTG BENTO GONÇALVES DA SILVA - ALVORADA - 1ª
    31. CTG CAPÃO DA PORTEIRA - VIAMÃO - 1ª
    32. CTF OS NATIVOS - SANTA MARIA - 13ª
    33. CTG POUSADA DOS TROPEIROS - SANTO ANTONIO DO PALMA - 7ª
    34. CTG FRONTEIRA ABERTA - SANTANA DO LIVRAMENTO - 18ª
    35. DTG POLIVALENTE - SÃO JERÔNIMO - 2ª
    36. DTCE ALMA GAÚCHA - SANTA MARIA - 13ª
    37. CTG TROPEIROS DO SUL - CAPÃO DO LEÃO - 26ª
    38. CTG ESTIRPE GAÚCHA - GUAPORÉ - 11ª
    39. PTG JOÃO MANOEL - SÃO BORJA - 3ª
    40. CTG LAÇO DA AMIZADE - CASCA - 7ª
    41. CTG CAMINHOS DO PAMPA - PORTO ALEGRE - 1ª
    42. CTG POUSADA DA FIGUEIRA - PORTO ALEGRE - 1ª
    43. CTG POUSADA DOS TROPEIROS - FAZENDA VILA NOVA - 24ª
    44. DTG ESTÂNCIA DE SÃO PEDRO - RIO GRANDE - 6ª

    Numa próxima postagem trago a ordem de apresentação dos representantes da 24ª Região Tradicionalista!
    Um abraço, e até breve!

    terça-feira, 26 de outubro de 2010

    XX Tchêncontro da Juventude Gaúcha

    Aproximadamente 1 mil pessoas participaram da solenidade de abertura do XX Tchêncontro Estadual da Juventude Gaúcha, no Ginásio Municipal de Panambi. O evento contou com a presença do prefeito municipal, Miguel Schmitt, do presidente doAproximadamente 1 mil pessoas participaram da solenidade de abertura do XX Tchêncontro Estadual da Juventude Gaúcha, no Ginásio Municipal de Panambi.

    O evento contou com a presença do prefeito municipal, Miguel Schmitt, do presidente do MTG, Oscar Fernande Gress, do presidente do IGTF, Manoelito Carlos Savaris, da coordenadora da 9ª Região Tradicionalista, Carla Moura, do diretor do Departamento Jovem do MTG, Juliano Rosalez. Em seu pronunciamento, Rosalez, que vem lá de Camaquã, disse estar se sentindo em casa e parabenizou a envolvimento e o comprometimento da 9ª RT com a organização do evento.

    Já a coordenadora da 9ª RT ressaltou a importância fundamental exercida pelos jovens dentro do MTG. O Prefeito Municipal comentou sobre a preocupação quando soube que a cidade seria sede do 44º aniversário. “Senti uma tremedeira. Perguntei se teríamos condições de ser uma sede digna de um evento tão grandioso e importante para o MTG”.

    O presidente do MTG refletiu sobre o que representa o Movimento para a sociedade gaúcha. “Não somos melhores do que ninguém. Somos diferentes, pois, em um mundo tão globalizado, ainda temos a coragem de celebrar e cultuar a nossa história”. MTG, Oscar Fernande Gress, do presidente do IGTF, Manoelito Carlos Savaris, da coordenadora da 9ª Região Tradicionalista, Carla Moura, do diretor do Departamento Jovem do MTG, Juliano Rosalez. Em seu pronunciamento, Rosalez, que vem lá de Camaquã, disse estar se sentindo em casa e parabenizou a envolvimento e o comprometimento da 9ª RT com a organização do evento.

    Já a coordenadora da 9ª RT ressaltou a importância fundamental exercida pelos jovens dentro do MTG. O Prefeito Municipal comentou sobre a preocupação quando soube que a cidade seria sede do 44º aniversário. “Senti uma tremedeira. Perguntei se teríamos condições de ser uma sede digna de um evento tão grandioso e importante para o MTG”. O presidente do MTG refletiu sobre o que representa o Movimento para a sociedade gaúcha. “Não somos melhores do que ninguém. Somos diferentes, pois, em um mundo tão globalizado, ainda temos a coragem de celebrar e cultuar a nossa história”.

    terça-feira, 19 de outubro de 2010

    Definidos concorrentes da final - ENART 2010

    Buenaas gauchada amiga!
    Peço mil desculpas pelo sumiço, mas a vida anda meio corrida :)

    Trago hoje a listagem dos grupos classificados pra grande Final do ENART 2010 em todas as Inter-Regionais realizadas, e também os grupos classificados através da repescagem!
    Falta exatamente um mês para o maior Encontro de Arte Tradição da América Latina, e os nervos já começam a estar a flor da pele. Vale a pena contar os dias pra este que é o evento mais esperado por nós gaúchos tradicionalistas!
    Desde já, meu desejo de boa sorte a todos concorrentes, em especial, aos nosso queridos concorrentes da 24ª Região Tradicionalista!

    Classificados Inter-Regional de Frederico Westphalen
    Força A
    CPF PIÁ DO SUL - Santa Maria, 13ª RT
    CTG TRÍPLICE ALIANÇA - Uruguaiana, 4ª RT
    DT QUERÊNCIA DAS DORES - Santa Maria, 13ª RT
    CTG BENTO GONÇALVES - Santa Maria, 13ª RT
    CTG FARROUPILHAS - Santa Maria, 13ª RT
    CTG LAÇADORES ESTEIO DE JAPEJÚ - Uruguaiana, 4ª RT
    CTG COXILHA DE RONDA - Santiago, 10ª RT
    CTG RODEIO DA QUERÊNCIA - Frederico Westphalen, 28ª RT

    Força B
    CTG 20 DE SETEMBRO - Santo Ângelo, 3ª RT
    PTG JOÃO MANOEL - São Borja, 3ª RT
    CAAMI FOLCLORE E ARTE NATIVA - São Sepé, 13ª RT
    DTG NOEL GUARANY - Santa Maria, 13ª RT
    35 CTG - Palmeira das Missões, 17ª RT
    CTG GALPÃO DE ESTÂNCIA - São Luiz Gonzaga, 3ª RT
    CTF OS NATIVOS - Santa Maria, 13ª RT
    DTCE ALMA GAÚCHA - Santa Maria, 13ª RT

    Classificados Inter-Regional de Venâncio Aires
    Força A
    DTG A. A. SOUZA CRUZ - Santa Cruz do Sul, 5ª RT
    UNIÃO GAÚCHA J. SIMÕES LOPES NETO - Pelotas, 26ª RT
    CTG NEGRINHO DO PASTOREIO - Pelotas, 26ª RT
    CTG OS TEATINOS - Rio Grande, 6ª RT
    CTG CARRETEIROS DO SUL - Pelotas, 26ª RT
    CTG RINCÃO DA ALEGRIA - Santa Cruz do Sul, 5ª RT
    DTG CANDEEIRO CRIOULO - Pelotas, 26ª RT
    CTG OS FARRAPOS - Pelotas, 26ª RT

    Força B
    CTG PORTEIRA DOS PAMPAS - Teutônia, 24ª RT
    DTG POLIVALENTE - São Jerônimo, 2ª RT
    PIQUETE OS LANCEIROS DE MAUÁ - Arroio Grande, 21ª RT
    DTG TANGARÁ - Rio Grande, 6ª RT
    CPF TERRA DE UM POVO - Venâncio Aires, 24ª RT
    CTG POUSADA DOS TROPEIROS - Fazenda Vilanova, 24ª RT
    CTG TROPEIROS DA AMIZADE - Santa Cruz do Sul, 5ª RT
    CTG GAL. ANTONIO DE SOUZA NETTO - Rio Grande, 6ª RT

    Classificados Inter-Regional de Soledade
    Força A
    CTG LALAU MIRANDA - Passo Fundo, 7ª RT
    CTG CLUBE FARROUPILHA - Ijuí, 9ª RT
    CTG CAMPO DOS BUGRES - Caxias do Sul, 25ª RT
    CTG RONDA CHARRUA - Farroupilha, 25ª RT
    GTCN VELHA CARRETA - Caxias do Sul, 25ª RT
    CTG HERÓIS FARROUPILHAS - Caxias do Sul, 25ª RT
    DT CONTINENTE DE SÃO PEDRO - Cruz Alta, 9ª RT
    CTG HERDEIROS DA TRADIÇÃO - Caxias do Sul, 25ª RT

    Força B
    CTG GASPAR SILVEIRA MARTINS - Ajuricaba, 9ª RT
    GAN VAQUEANOS DA CULTURA - Soledade, 14ª RT
    CTG RODEIO DA SAUDADE - Cruz Alta, 9ª RT
    CTG LAUREANO MEDEIROS - Ijuí, 9ª RT
    CTG GAUDÉRIO SERRANO - Bento Gonçalves, 11ª RT
    CTG POUSADA DOS TROPEIROS - Santo Antônio do Palma, 7ª RT
    GF CHÃO BATIDO - Ijuí, 9ª RT
    CTG LAÇO DA AMIZADE - Casca, 7ª RT

    Classificados Inter-Regional de Três Coroas
    Força A
    CTG ESTÂNCIA GAÚCHA - Canoas, 12ª RT
    CTG JOÃO SOBRINHO - Capão da Canoa, 23ª RT
    CTG GILDO DE FREITAS - Porto Alegre, 1ª RT
    GAN IVI MARAÉ - São Leopoldo, 12ª RT
    CTG POTREIRO GRANDE - Tramandaí, 23ª RT
    CTG M´BORORÉ - Campo Bom, 30ª RT
    CTG ESTÂNCIA DA SERRA - Osório, 23ª RT
    DTG LENÇO COLORADO - Porto Alegre, 1ª RT

    Força B
    CTG AMARANTO PEREIRA - Alvorada, 1ª RT
    CTG BENTO GONÇALVES DA SILVA - Alvorada, 1ª RT
    CTG LAÇO DA QUERÊNCIA - Porto Alegre, 1ª RT
    CTG RODA DE CARRETA - Cachoeirinha, 1ª RT
    CTG PORTEIRA DA TRADIÇÃO - Eldorado do Sul, 1ª RT
    CTG ESTÂNCIA DO COTIPORÃ - Ivoti, 30ª RT
    CTG CAMINHOS DO PAMPA - Porto Alegre, 1ª RT
    CTG TIARACY - Portão, 15ª RT

    Classificados na Repescagem
    Força A
    CTG GUAPOS DO ITAPUI - Campo Bom, 30ª RT
    CTG VAQUEANOS DA TRADIÇÃO - Porto Alegre, 1ª RT
    CTG PORTEIRA VELHA - Novo Hamburgo, 30ª RT

    Força B
    DTG ESTÂNCIA DE SÃO PEDRO - Rio Grande, 6ª RT
    DTG GUARDIÕES DO RIO GRANDE - Encantado, 24ª RT
    CTG TROPEIROS DO SUL - Capão do Leão, 26ª RT

    Então por hoje é isso galerinha!
    Forte Abraço.

    quinta-feira, 7 de outubro de 2010

    Gabriel Ferreira, Piá Farroupilha da 24ª RT

    "Nascido em 16 de maio de 2000, é filho de Joelsi e Mariele Ferreira.
    Ele que recebeu sua primeira pilcha de tricô, sente muito orgulho em fazer parte da história do Centro de Pesquisas Folclóricas Terra de Um Povo.

    A paixão pelo tradicionalismo é nata, com poucos dias foi conhecer a égua Mariana, ganhada ainda na barriga da mãe e que o acompanha até hoje.
    Desde bebê, participa dos eventos tradicionalistas junto com a família.

    Aos 3 meses, participou do Desfile Cívico, a cavalo com o dindo Marcos e com 4 meses, do Desfile Farroupilha, com o vô Darci. Sendo motivo de orgulho para o pai Jô que, de peito inflado, passeava com ele a cavalo. Hoje é o companheiro para esses passeios com pai e o irmão Arthur, que o tem como exemplo e admiração.

    Com 4 anos, aprendeu a dançar o ‘Maçanico’, na Invernada Mirim (então parceria entre DTG e CPF). Desde então não abandonou as danças. No público, além de amigos, estavam os pais, os dindos e o vô, que além de fotografar e apoiar, se emocionam a cada feito de Gabriel.

    A declamação é outro gosto do piá, desde muito pequeno. Desde 2005, é representante da Entidade e do Município em Rodeios Artísticos, o que lhe rendeu muitos troféus nesta modalidade.
    A partir de 2006, aumentava a responsabilidade recebendo o crachá de Piazito da Entidade até 2009, quando iniciou na categoria Piá.

    Integra o grupo de cavalarianos da entidade, sendo o mais novo dos participantes da Cavalgada da Lua Cheia e da Chama Crioula, e hoje com 10 anos, o Mosquitinho, como é conhecido, cultiva com carinho a cultura gaúcha sempre apoiado pela família e amigos. Integrante da Campeira, é também o Posteiro da Invernada Mirim do CPF Terra de Um Povo e se emociona ao dizer que é da Capital Nacional do Chimarrão.

    Neste ano, sente a honra de ser Piá Regional, sendo o Pioneiro da Entidade e da 24ª Região Tradicionalista nesta categoria."


    Quem me mandou estes dados foi a mãe do Gabriel, Mariele Ferreira.
    Agradeço de coração pela participação, e por dividir conosco um pouquinho da história deste belo Piá que é orgulho pra nossa região.
    Este é o lado do Tradicionalismo que nos orgulhamos em defender!

    Abraços!

    quarta-feira, 6 de outubro de 2010

    Revolta!

    Texto postado por Tainá Valenzuela, 1ª Prenda da 13ª RT 2009/2010 que concorreu comigo na 40ª Ciranda Cultural de Prendas em Santa Maria, em seu blog www.tainavalenzuela.blogspot.com.

    "Esta semana, após quatro meses de espera, recebemos a confirmação que o MTG colocou fora minhas planilhas da 40ª Ciranda Cultural de Prendas, pois, segundo informação obtida na secretaria, todas as planilhas que não forem solicitadas no período de 3 meses após o evento em questão, são descartadas.
    A questão é: elas foram solicitadas. Várias vezes. Por mim, minha Diretora Cultural (pessoalmente e por telefone), pela Secretária Executiva da minha Região (por e-mail e telefone) e também exatamente nas formas como a secretaria/direção do MTG disse que deveriam ser solicitadas: através do Coordenador, por e-mail.
    Não quero aqui desfazer os méritos de nossas prendas estaduais, de forma alguma. Nem dizer que fui “roubada”. Porém, como qualquer pessoa, sou mais uma ávida por acertos quando luto por algo, e instigada a entender meus próprios erros quando não alcanço um objetivo. Sem tais planilhas, fico apenas querendo entender onde eu não me dediquei o suficiente, onde falhei e porque há o descaso com uma concorrente e tanta atenção devotada para outras que receberam aquilo que solicitaram sem maiores delongas.
    E volto à questionar-me onde devo buscar me superar, não apenas como prenda, mas como ser humano.
    Ser humano... Talvez essa seja a palavra-chave. A atual direção deste Movimento deveria ter consciência que mobiliza vidas humanas, com sonhos e anseios reais, não apenas máquinas que repetem discursos prontos e agem de forma ensaiada.
    E deveria ter a consciência de não mexer com tais vidas e tais sonhos se não tiverem competência suficiente para honrá-los.
    Neste momento a história parece ser tão cíclica quanto alguns afirmam, onde a roda gira e as coisas, dadas suas proporções, se repetem na mesma cadência. Explico parafraseando Francisco Alves, quando diz:
    'E o que restou, assim, no peito em vez de medalhas, cicatrizes de batalhas foi o que sobrou pra mim.' "


    Confesso que li, reli e continuei sem acreditar no que estava lendo, quando vi esta postagem em seu blog.
    Decepção, raiva, lamento, vazio.
    Não sei descrever a decepção que sinto nesse momento levando em conta que tudo isso seja verdade, afinal, ainda tento me convencer de que tudo possa ser um mal entendido.
    Não consigo entender como algumas pessoas podem simplesmente dar um valor tão baixo a tantos sonhos que lá foram vividos, e que até hoje esperam uma explicação por não terem conquistado a vitória.
    Dói pensar que não teremos essa resposta, e o vazio que agora fica é grande. Durante esses quatro meses não deixei de pensar uma semana sequer nessas planilhas, imaginando meus erros, meus acertos... e reservando um lugar onde elas ficariam até o fim dos meus dias, como prova de um sonho que foi idealizado e realizado. Ficariam, junto com as fotos daqueles dias, guardadas pra sempre.
    Sendo assim, ficarão somente em nossa memória, e temo que um dia isso tudo se apague...
    Não tenho mais palavras! Lamento, lamento muito.