quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Nota de instrução 06/2016 - Anexo 3 - Mostra Folclórica


47ᵃ CIRANDA CULTURAL DE PRENDAS
FASE ESTADUAL – MAIO/2017(Ritos, Crendices e Superstições)

48ᵃ CIRANDA CULTURAL DE PRENDAS
FASE REGIONAL – JUNHO/2017 

48ᵃ CIRANDA CULTURAL DE PRENDAS
FASE ESTADUAL – MAIO/2018

TEMA : “ Reencantando a infância com dobraduras”

MIRIM:
  • Pesquisar diferentes formas de dobraduras na confecção de brinquedos e usadas em brincadeiras;
  • Resgatar a importância da dobradura no desenvolvimento motor;
  • Realizar uma pesquisa de campo, através de entrevistas com pais, avós, tios, amigos,elaborando um relatório, com comprovantes;
  • Confeccionar os brinquedos utilizados nas brincadeiras, para colocação na Mostra, evidenciando o uso da dobradura;
  • Elaborar um relatório com comprovantes;
  • Realizar a apresentação de um brinquedo ou brincadeira para a Comissão Avaliadora, explicando seu funcionamento.
TEMA:” USO DA VESTIMENTA EM DIFERENTES MOMENTOS”

JUVENIL E ADULTA:
  • Realizar uma pesquisa de campo, através de entrevistas com pais, avós, tios, amigos de como era o costume de vestir-se antigamente, realizando um comparativo com os dias atuais;
  • Pesquisar através de fotos de família, recortes de jornais da época, como era o uso das vestimentas nos vários momentos;
  • Elaborar um relatório com comprovantes;
  • Sugestão: Roupas usadas nos batizados, casamentos, para ir a igreja, lida diária no lar, no campo, para ir a uma festa,ir à escola, momentos fúnebres, a domingueira, etc...........
  • Organizar a Mostra com um ou mais momentos dos listados acima e escolher um para apresentar à Comissão Avaliadora.
REGRAS PARA MOSTRA FOLCLÓRICA:

1. O tempo de apresentação para todas as categorias é de até 10 (dez) minutos. A Prenda será avisada quando o tempo se esgotar. Caso ultrapassar o tempo, serão descontados 5 centésimos de (0,05),ponto por minuto inteiro que exceder ao tempo;descontado na nota final.
2. A pesquisa bibliográfica e as entrevistas (caso seja realizada uma pesquisa de campo) da Mostra Folclórica devem ser entregues gravadas em CD, junto com o Relatório de Atividades.

3. Cada candidata deverá ocupar somente o espaço destinado pela Comissão Organizadora, sob pena de ser advertida. Procurar evitar exageros na quantidade de objetos apresentados e também o fechamento dos espaços, nas laterais.

4. A candidata poderá ser auxiliada por outras pessoas, na montagem da Mostra. Quando fizerem parte do cenário, não poderão interferir na oralidade da candidata.

5. Será permitido o uso de trajes caracterizando o tema da Mostra, mas a concorrente deverá usar sempre a pilcha gaúcha.

6. Será observado o uso da pilcha gaúcha , na realização das entrevistas ou outras investigações feitas pela prenda.

Fonte: Site do MTG

Nota de instrução 06/2016 - Anexo 2 - Pesquisa Peão e Guri


29º ENTREVERO CULTURAL DE PEÕES,GURIS E PIÁS
FASE ESTADUAL – ABRIL/2017 ( Esportes Campeiros )

30º ENTREVERO CULTURAL DE PEÕES, GURIS E PIÁS 
FASE REGIONAl - JUNHO/2017

30° ENTREVERO CULTURAL DE PEÕES,GURIS E PIÁS 
FASE ESTADUAL- ABRIL/2018


TEMÁRIO: “ RESGATE HISTÓRICO DO ENTREVERO CULTURAL DE PEÕES


GURI E PEÃO:
  • Resgatar a história do concurso de peões nas Entidades, Regiões e Estado;
  • Conhecer e valorizar todos as pessoas que contribuíram de alguma forma para a continuidade do evento;
  • Registrar e relatar as origens, o desenvolvimento e como eram realizadas as provas e o evento em todas as suas fases antigamente;
  • Realizar um resgate histórico do Entrevero Cultural na sua Entidade e, posteriormente, na sua Região através de entrevistas, pesquisas documentais e fotográficas de pessoas que participaram da realização do entrevero, em qualquer uma de suas fases, de alguma forma: concorrentes, organizadores, idealizadores, etc....
  • Entrevistar pessoas que concorreram, idealizaram, conquistaram títulos, parentes de participantes, pessoas que contribuíram de alguma forma com a realização e crescimento do Entrevero Cultural de Peões;
  • Pesquisar através de documentos, fotos, entrevistas, etc,a história da realização do concurso de peões dentro da sua Entidade e/ou Região;
  • Organizar um relato, acompanhado com fotografias,recortes de jornais, revistas e outros recursos que irão enriquecer o trabalho; 
  • Esse trabalho de pesquisa deverá ser gravado em um CD e entregue juntamente com o Relatório de Vivência Tradicionalista, tanto na Fase Regional, quanto Estadual.
  • Na Fase Regional – Junho/2017: os peões e guris devem realizar o resgate na sua entidade de origem; 
  • Na Fase Estadual – Abril/2018: os peões e guris devem realizar o resgate na sua região.
Fonte: Site do MTG

Nota de instrução 06/2016 - Anexo 1 - Bibliografia


BIBLIOGRAFIA INDICADA PARA CONCURSOS

47ª e 48ª CIRANDA CULTURAL DE PRENDAS E 
29º e 30º ENTREVERO CULTURAL DE PEÕES

PROVAS
HISTÓRIA, GEOGRAFIA, TRADIÇÃO, TRADICIONALISMO E FOLCLORE


Fonte: Site do MTG

Nota de instrução 06/2016 - Fase Regional


NOTA DE INSTRUÇÃO N°06/2016 
Dispõe sobre normas dos Concursos Ciranda Cultural de Prendas, 
Entrevero Cultural de Peões, Mostra Folclórica, Pesquisa e demais disposições Gerais.

1 – DOS OBJETIVOS: 
Esta Nota de Instrução tem a finalidade esclarecer os regulamentos da Ciranda Cultural de Prendas, Entrevero Cultural de Peões, Mostra Folclórica e Pesquisa, objetivando a padronização de procedimentos, bem como a disponibilização de orientações gerais ao MTG, Regiões Tradicionalistas (RTs) e suas Entidades filiadas. 

2 – DA ABRANGÊNCIA:
48ᵃ Ciranda Cultural de Prendas – FASE REGIONAL (junho 2017)
30° Entrevero Cultural de Peões – FASE REGIONAL (junho 2017)

3 –TEMÁRIO CENTRAL PARA AS ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS: 
Tema anual do MTG 2015: “Para cada competição, momento de confraternização”.
Tema anual do MTG 2016:“MTG 50 Anos de Preservação e Valorização da Cultura Gaúcha.”
Tema anual do MTG 2017: (a ser apresentado no Congresso em janeiro de 2017)

4 – EVENTOS DO MTG PARA O PERÍODO PROGRAMADO:
82ᵃ Convenção Tradicionalista Gaúcha – Cruz Alta
XXVI Tchencontro da Juventude Gaúcha – Triunfo
XV Acampamento da Juventude Gaúcha – Porto Alegre
XVI Mostra Folclórica no ENART 2016 – Santa Cruz do Sul
65° Congresso Tradicionalista Gaúcho 2017 – Bento Gonçalves
30° Seminário Estadual de Prendas – São José do Ouro
18° Seminário de Cultura Campeira – FECARS 2017
CFOR Básico ou CFOR Avançado
CFOR Patronagem

FASE REGIONAL 2017 

CIRANDA CULTURAL DE PRENDAS – (Junho 2017)

O TRADICIONALISMO E A COMUNIDADE ESCOLAR: 

Mirim – Juvenil – Adulta:

  • Uma (01) atividade, no espaço escolar atingindo o maior número possível de participantes, envolvendo alunos, professores, pais, equipe diretiva...(Não realizar apenas com uma turma);
  • Uma (01) atividade, no espaço da Entidade Tradicionalista, visando aproximar as relações entre Escola x Entidade;
  • A prenda deve apresentar criatividade nas atividades que realizar, de acordo com sua faixa etária;
  • Cada prenda deve realizar, individualmente suas atividades;
  • Quando da realização das atividades, deverá estar acompanhada de um integrante do Departamento Cultural da RT e/ou da Entidade a que pertencer, exceto no caso da concorrente estar cursando ou possuir habilitação em Magistério, Pedagogia e/ou em áreas afins (neste caso apresentar comprovação). A presença do integrante do Departamento Cultural será identificada e comprovada pelo registro fotográfico e o mesmo deverá estar devidamente pilchado;
  • Deve ser solicitada a presença do responsável pela Instituição Escolar durante a realização da atividade no espaço escolar e do Patrão ou Vice-Patrão quando a atividade for na Entidade Tradicionalista, que será identificada e comprovada pelo registro fotográfico;
  • A comprovação deverá ser feita através de um (01) atestado expedido pela Instituição Escolar, com carimbo, assinado pelo seu responsável, constando a data e o horário em que a Prenda realizou a atividade, grupo de pessoas envolvidas, tema desenvolvido e número de participantes;
  • Atestado do Patrão da Entidade, comprovando a realização da atividade;
  • As atividades devem ser realizadas no decorrer do período da Gestão enquanto prenda.
MTG NÚCLEO DE FORTALECIMENTO DA CULTURA GAÚCHA: 

Mirim – Juvenil – Adulta:
  • Realizar duas(02) atividades;
  • As duas (02) atividades poderão ser individuais ou em conjunto com as demais prendas da Entidade e deverão ser sobre o temário definido para essa fase (criatividade);
  • O desenvolvimento das atividades deverá ser voltado para;
  • Divulgar e fortalecer a cultura gaúcha dentro da sua Entidade Tradicionalista, envolvendo associados, integrantes das invernadas artísticas, esportivas e campeiras com a realização de seminários, oficinas, teatros, etc.;
  • Fortalecer a cultura dentro das nossas Entidades para que depois os integrantes da Entidade possam levar a outras instâncias da sociedade;
  • Promover junto à Entidade, encontros que favoreçam a presença das famílias dentro dos CTGs e o convívio entre as gerações;
  • As atividades deverão abranger o maior número possível de associados da Entidade;
  • As atividades devem ser realizadas com ações práticas e que atinjam todos os envolvidos, não só como ouvintes;
  • A prenda deve desenvolver atividades que promovam e valorizem o Departamento Cultural da sua Entidade, demonstrando a sua importância como elemento agregador dos demais Departamentos, bem como despertar o interesse dos demais participantes da Entidade para a Ciranda Cultural de Prendas e o Entrevero Cultural de Peões;
  • Palestras podem servir de introdução ou encerramento da atividade;
  • A execução da atividade pode ser desenvolvida em mais de um dia; 
  • Para comprovação de cada atividade é necessário anexar a lista de presenças, fotografias e atestado do patrão da Entidade.

ENTREVERO CULTURAL DE PEÕES – (Junho 2017)

CATEGORIA PIÁ:
  • Descrever (relatar em até 500 caracteres) e comprovar até três (03) atividades desenvolvidas ou promoção (realização) de eventos. Cada um deverá ter a comprovação com a foto e um atestado do Patrão da Entidade; 
  • Descrever (relatar em até 200 caracteres) e comprovar a participação, em eventos, até sete (07), com foto e certificado. Esses eventos podem ser de Entidade, Regional e/ou Estadual e dentro da Gestão. 
CATEGORIAS GURI E PEÃO: 
  • Descrever (relatar em até 800 caracteres) e comprovar até seis (06) cargos exercidos ou atividades desenvolvidas ou promoção (realização) de eventos. Cada um deverá ter a comprovação com a foto e um atestado do Patrão da Entidade;
  • Descrever (relatar em até 200 caracteres) e comprovar a participação em eventos, até dez (10), com foto e certificado. Esses eventos podem ser de Entidade, Regional e/ou Estadual e dentro da gestão.

LEMBRETES_PARA PRENDAS E PEÕES:
  • Os certificados para serem considerados de ENTIDADE, devem ter a assinatura do Patrão, REGIONAL, do Coordenador Regional e ESTADUAL do Presidente do MTG;
  • Jantar e almoço não contam como atividade cultural;
  • Os Encontros Regionais (Encontro de Patrões) não serão considerados como participação em evento regional, a não ser que na mesma reunião administrativa aconteça um evento voltado para a cultura, com lista de presenças, foto e faixa identificando o evento;
  • As fotos comprobatórias da participação em eventos deverão ser uma junto ao banner e outra na platéia;
  • Para a comprovação da realização de cada atividade, as fotos deverão seguir os seguintes critérios:
  • Duas (02) fotos tamanho 10 x 15, nítidas, para cada atividade OU uma montagem no tamanho de uma folha A4 com, no máximo, quatro (04) fotos, nítidas para cada atividade;
  • Todas as fotos deverão ter legendas e a identificação dos participantes;
  • Os eventos ou atividades desenvolvidas deverão ser realizadas em dias diferentes. Não poderão ser no mesmo dia, mesmo que em turnos diferentes;
  • As atividades e ou eventos promovidos pelas prendas e peões não poderão ter cobrança em dinheiro;
  • Para comprovação da participação no XXVI Tchêncontro, será considerado foto do banner e quem não tiver da platéia, será considerada da visitação no centro Histórico.
Fonte: Site do MTG

Nota de instrução 06/2016 - Fase Estadual


NOTA DE INSTRUÇÃO N°06/2016 
Dispõe sobre normas dos Concursos Ciranda Cultural de Prendas, 
Entrevero Cultural de Peões, Mostra Folclórica, Pesquisa e demais disposições Gerais. 

1 – DOS OBJETIVOS: 
Esta Nota de Instrução tem a finalidade esclarecer os regulamentos da Ciranda Cultural de Prendas, Entrevero Cultural de Peões, Mostra Folclórica e Pesquisa, objetivando a padronização de procedimentos, bem como a disponibilização de orientações gerais ao MTG, Regiões Tradicionalistas (RTs) e suas Entidades filiadas. 

2 – DA ABRANGÊNCIA:
47ᵃ Ciranda Cultural de Prendas - FASE ESTADUAL (maio 2017)
29° Entrevero Cultural de Peões - FASE ESTADUAL (abril 2017) 

3 –TEMÁRIO CENTRAL PARA AS ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS: 
Tema anual do MTG 2015: “Para cada competição, momento de confraternização”.
Tema anual do MTG 2016:“MTG 50 Anos de Preservação e Valorização da Cultura Gaúcha.”

4 – EVENTOS DO MTG PARA O PERÍODO PROGRAMADO:
82ᵃ Convenção Tradicionalista Gaúcha – Cruz Alta
XXVI Tchencontro da Juventude Gaúcha – Triunfo
XV Acampamento da Juventude Gaúcha – Porto Alegre
XVI Mostra Folclórica no ENART 2016 – Santa Cruz do Sul
65° Congresso Tradicionalista Gaúcho 2017 – Bento Gonçalves
30° Seminário Estadual de Prendas – São José do Ouro
18° Seminário de Cultura Campeira – FECARS 2017
CFOR Básico ou CFOR Avançado
CFOR Patronagem

FASE ESTADUAL 2017 

CIRANDA CULTURAL DE PRENDAS – (Maio 2017) 

MTG E A COMUNIDADE ESCOLAR: 

Mirim – Juvenil – Adulta:
  • Realizar duas (02) atividades de divulgação voltadas para o fortalecimento da Tradição Gaúcha junto à comunidade escolar, sendo:
  • Uma (01) atividade, na comunidade onde a escola está inserida, podendo ser na própria escola;
  • Uma (01) atividade, trazendo a comunidade escolar para dentro da Entidade Tradicionalista;
  • A prenda deve apresentar criatividade nas atividades que realizar, de acordo com sua faixa etária;
  • Cada prenda deve realizar individualmente suas atividades;
  • As atividades devem envolver a todos: alunos, professores, pais e administração, se realizada na escola;
  • Se as atividades forem realizadas fora da escola, também devem envolver a todos que pertencem ao segmento escolhido;
  • Quando da realização das atividades, estas deverão estar acompanhadas de um integrante do Departamento Cultural da RT e/ou da Entidade a que pertencer, exceto no caso da concorrente estar cursando ou possuir habilitação em Magistério, Pedagogia e/ou em áreas afins (neste caso apresentar comprovação). A presença do integrante do Departamento Cultural será identificada e comprovada pelo registro fotográfico e o mesmo deverá estar devidamente pilchado;
  • Deve ser solicitada a presença do responsável pela Instituição durante a realização das atividades, que será identificada e comprovada pelo registro fotográfico;
  • A comprovação deverá ser feita através de um (01) atestado expedido pela Instituição, com carimbo, assinado pelo seu responsável, no qual deve constar a data e o horário que a Prenda realizou a atividade, grupo de pessoas envolvidas, tema desenvolvido e número de participantes;
  • Atestado do Coordenador(a) Regional comprovando a realização das duas (02) atividades;
  • As atividades devem ser realizadas no decorrer do período da Gestão enquanto prenda.
CTG NÚCLEO DE FORTALECIMENTO DA CULTURA GAÚCHA: 

Mirim – Juvenil – Adulta:
  • Devem realizar, no mínimo dois encontros (atividades) especificamente de cunho cultural, que envolvam todos os departamentos da sua região e o maior número possível de entidades, também, da sua região;
  • Esses encontros devem ser desenvolvidos pelas próprias prendas com o intuito de fortalecer e esclarecer a função social do Departamento Cultural dentro das entidades, orientando quais as atividades que devem ser realizadas com todo o quadro social para assim fortalecer a cultura gaúcha;
  • Essas duas atividades podem ser realizadas em conjunto ou individual pelas prendas de todas as categorias da gestão regional;
  • É necessário ter lista de presença em cada encontro;
  • Para cada encontro é necessário o atestado do Coordenador Regional;
  • Foto comprobatória da realização do encontro;
  • Promover um Evento Final para sistematização dos Encontros anteriores, no qual devem apresentar, aos participantes, uma proposta de plano de ação que possam ser desenvolvidos em cada departamento das entidades, com o intuito de fortalecer culturalmente as Entidades Tradicionalistas;
  • Nesse evento poderá ser fornecido certificado aos participantes, sendo que no mesmo deverá constar a assinatura das Primeiras Prendas de cada categoria e do Coordenador Regional;
  • Para comprovação desse Evento Final é necessário colocar no relatório, foto, lista de presença e atestado do Coordenador.

ENTREVERO CULTURAL DE PEÕES – (Abril 2017) 

CATEGORIA PIÁ:
  • Descrever (relatar em até 500 caracteres) e comprovar até três (03) atividades desenvolvidas ou promoção (realização) de eventos. Cada um deverá ter a comprovação com a foto e um atestado do Coordenador Regional; 
  • Descrever (relatar em até 200 caracteres) e comprovar a participação em eventos, até sete (07), com foto e certificado. Esses eventos podem ser de Entidade, Regional e/ou Estadual e dentro da Gestão. 
CATEGORIAS GURI E PEÃO:
  • Descrever (relatar em até 800 caracteres) e comprovar até seis (06) cargos exercidos, ou atividades desenvolvidas, ou promoção (realização) de eventos. Cada um deverá ter a comprovação com a foto e um atestado do Coordenador Regional;
  • Descrever (relatar em até 200 caracteres) e comprovar a participação em eventos, até dez (10), com foto e certificado. Esses eventos podem ser de Entidade, Regional e/ou Estadual e dentro da Gestão.
LEMBRETES_PARA PRENDAS E PEÕES:
  • Os certificados para serem considerados de ENTIDADE, devem ter a assinatura do Patrão, REGIONAL, do Coordenador Regional e ESTADUAL do Presidente do MTG;
  • Jantar e almoço não contam como atividade cultural;
  • Os Encontros Regionais (Encontro de Patrões) não serão considerados como participação em evento regional, a não ser que na mesma reunião administrativa aconteça um evento voltado para a cultura, com lista de presenças, foto e faixa identificando o evento;
  • As fotos comprobatórias da participação em eventos deverão ser uma junto ao banner e outra na platéia;
  • Para a comprovação da realização de cada atividade, as fotos deverão seguir os seguintes critérios:
  • Duas (02) fotos tamanho 10 x 15, nítidas, para cada atividade OU uma montagem no tamanho de uma folha A4 com, no máximo, quatro (04) fotos, nítidas para cada atividade;
  • Todas as fotos deverão ter legendas e a identificação dos participantes;
  • Os eventos ou atividades desenvolvidas deverão ser realizadas em dias diferentes. Não poderão ser no mesmo dia, mesmo que em turnos diferentes;
  • As atividades e ou eventos promovidos pelas prendas e peões não poderão ter cobrança em dinheiro;
  • Para comprovação da participação no XXVI Tchêncontro, será considerado foto do banner e quem não tiver da platéia, será considerada da visitação no centro Histórico.
Fonte: Site do MTG

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Cantinho Gaúcho entrevista: Rogério Bastos

Hoje trago aqui pro Cantinho Gaúcho mais uma entrevista super especial!

Vamos conhecer um pouco sobre a história tradicionalista de um dos ícones do nosso Movimento nos dias atuais, ele que é o autor do livro "MTG - 50 anos de preservação e valorização da Cultura Gaúcha": Rogério Bastos!

Rogério Bastos na Colonia do Santíssimo Sacramento no Uruguai

1. Olá Rogério. Fico muito feliz em contar com a tua participação aqui no blog. Nos conte um pouco sobre você, e como se deu o início da tua trajetória no Movimento.
Buenas amigos.... Carol.... Eu venho de uma família de Carreteiro, meu avô Florimundo Joaquim Bastos cortou o chão do Rio Grande com suas carretas, comercializando por este Estado. Meu pai, um grande laçador, homem campeiro, nos ensinou desde cedo os valores do povo gaúcho. Mas foi quando meu irmão, que é deficiente auditivo, dançava nas domingueiras, e eu não, que me dei conta que precisava aprender e, um dia ensinar. Ele dançou mais de quinze anos no CTG Querência da Escola Concórdia, e fazíamos parte do CTG Valentes da Tradição. Em Bagé eu já participava do Sentinela da Fronteira, Prenda Minha e 93. Mas foi aqui na capital que aprendi para poder ensinar.
Com meu pai e minha família, juntos, fizemos muitas cavalgadas. Ajudei a criar a Fundação Cavaleiros do Mar. Fui instrutor de danças tradicionais, de salão, declamei em rodeios, cantei, concorri a peão dezenas de vezes, fui conselheiro do MTG, secretário geral, diretor de comunicação da federação, autor de tema dos festejos farroupilhas do RS, autor de capítulos de livros dos festejos, organizei o livro de 2013, fui autor do livro dos 50 anos. Refiz, com autorização do Salvador Lamberty o ABC do Tradicionalismo. Reeditamos e atualizamos com autorização de Nilza Lessa, o livro A Historia do Chimarrão, de Barbosa Lessa.
Mas minha maior obra, sem dúvida nenhuma, é meu filho, Jean Carlo, que me acompanha desde os primeiros passos. Participa de tudo, um peão completo! Campeira, artística e cultural. Mas que deixo que siga por conta seu caminho.
Porém, sei que filho de tigre, sai pintado.

Florimundo Joaquim Bastos, Carreteiro, em 1938 nas Palmas, distrito de Bagé

Avó, o filho e o neto recebendo o titulo de Cavaleiro da Ordem
dos Cavaleiros do Rio Grande do Sul

Saí de Porto Alegre solito, cavalgando e pensando na vida, em Águas Claras meu pai 
seus amigos me encontraram e seguimos o trajeto até Magistério

2. Eu, assim como muitos tradicionalistas, sei que tu tens mil e uma utilidades no meio tradicionalista. Nos fale um pouco sobre as multifunções que hoje tu exerces.Muita gente pelo Estado passou a me conhecer quando fui Peão Regional em 1995 ao lado do Lairton, que mais tarde tornou-se Peão Estadual. Mas fiz parte de patronagem do Valentes, subcoordenadorias, coordenadoria regional... Até que em 2001 cheguei a Diretor da Fundação Cultural Gaúcha, aonde fui até 2010, passando por todas as grandes transformações que o Movimento teve neste período de transição do século XX para o XXI.
Hoje faço o Jornal Eco da Tradição, fazemos aqui na empresa toda programação visual do MTG (Design Gráfico). Além disso fazemos consultoria para diversas atividades como livros, TCCs, filmes... Por que em 2009 trabalhamos no SBT e depois na Band, produzindo o programa de um artista do estado. O programete “Chasque do MTG” que fizemos na Radio Rural da RBS, e depois transformamos em filme contando a saga farrapa. Palestro por todo o Brasil, são mais de 60 por ano, se dividir vai dar em torno de 5 por mês – levando o pouco de conhecimentos que adquirimos ao longo dos anos. Sou Coordenador da 40ª RT, Vice-Presidente da Comissão Gaúcha de Folclore e Diretor de Divulgação da CBTG (cargos que exerço voluntariamente).

3. Exite um momento em tua caminhada que pode ser destacado como o mais inesquecível, especial?
Sim, acredito que a transmissão do ENART em 2009. Todos queriam ver o ENART na TV mas era caríssimo. Fizemos como o MacGyver fazia na serie de TV, juntamos cabos, câmeras, biscoitos e chiclete, um streming e uma internet de qualidade e mandamos pela rede mundial o ENART naquele ano. Hoje muita gente faz. TV Tradição, TV do Gaúcho, TV Solução.... Mas antes de todos nós fomos lá e fizemos. Fica a lembrança: “Tá no ENART? Tá no mundo!”.


Em 1991 quando dançava ainda no CTG Valentes da Tradição

Um ídolo, Sergio Reis

Voltando do Rio de Janeiro ao lado do Jornalista Tulio Millmann

4. Convivendo no meio tradicionalista e participando de grandiosos eventos, sempre encontramos alguém que temos como exemplo, que somos "fã" pela história que construiu e marcas que deixou no Movimento! Pode nos citar algumas pessoas que foram ou são um "modelo" de tradicionalista, na tua opinião? Qual a tua relação com essas pessoas hoje?
Meu pai... Modelo sempre de retidão, caráter, humildade.
Barbosa Lessa, com quem convivi pouco tempo, mas nesse pouco tempo aprendi muito. É meu mentor, mesmo distante. Em 1997 sai no livro dele o, Almanaque do Gaúcho, como uma jovem promessa, ao lado do Borghettinho, Dinara Paixão e Jarbas Lima.
Ivo Benfatto, Gerciliano, Fraga Cirne e Manoelito Savaris – Quatro caras que, no MTG, foram professores. Cel Celso Souza Soares, um homem simples, de cima do lombo do cavalo, mas de uma inteligência fantástica, ao lado do Melo Manso, que ninguém dava nada por ele, mas era simplesmente uma mente genial.

5. Estamos nos aproximando do Dia do Jovem Tradicionalista. Qual a tua visão sobre a participação destes no Tradicionalismo? Estão em constante evolução? Tu acreditas fielmente que o Movimento nos torna "seres humanos melhores"?
Estive lá, no dia da aprovação desta proposta e votei. Em 1991 – 36º Congresso em Julio de Castilhos. Proposta do Luiz Henrique do CTG Tiarayu. Toda grande revolução aconteceu envolvendo as mentes jovens e inquietas. Parthenon Literário em 1868, com jovens como Apolinário Porto Alegre, com seus 24 anos, estudantes rio-grandenses estudando em São Paulo, Rio, Recife, como Júlio de Castilhos, Assis Brasil, Ramiro Barcelos, mudaram a história. Simões Lopes Neto escrevendo dentro do galpão a historia de gaúchos que mais tarde mudaria a identidade de um povo. Nossa juventude espera muito para ocupar seu espaço, faz, movimenta, mas não ocupa o espaço. E na sociedade não existe este vácuo. Se tu não ocupa, outro vem e o faz.
O CTG prepara, mesmo que muitas vezes “sem querer”, o cidadão para abastecer a sociedade. As vezes só quer ter um dançarino, um laçador, um vendedor de convites, um declamador... Mas na grande maioria são escolas preparatórias para tornar o jovem um cidadão responsável e de bem. Pra isso... nota dez pros CTGs que se preocupam.

Com Ruben George Oliven, Manoelito Savaris e Sergius Gonzaga

Com os amigos do Buenas e M’Espalho, colegas de Radio Rural

Com o grupo Matsumo, da Africa do Sul, na Alemanha, 2007, 
junto com o GAN Anita Garibaldi

6. Quero te parabenizar pela autoria da obra "MTG - 50 anos de preservação e valorização da Cultura Gaúcha"! Não adquiri o livro ainda (pretendo em breve), mas já tive a oportunidade de o ter nas mãe e tenho certeza de que é uma grandiosa obra. Como surgiu a oportunidade de ser tua a autoria, e de que maneira está sendo a divulgação dele por todo o Estado? Palestras e mais palestras... sucesso total, né?
Em 2014, quando assumiu a Presidência do MTG o historiador Manoelito Savaris, me chamou e encomendou o livro. Nunca mais falamos sobre isso. Savaris tem uma característica de líder fantástica: dada a missão... tem que ser cumprida. E aprendi isso com ele, pois no dia da minha formatura em 2001 ele chegou pra mim e perguntou se eu assumiria a direção dos trabalhos na Fundação. Prontamente aceitei e trabalhei dez anos ao lado dele.
Usamos com o base o livro dos 40 anos, mas aprofundamos um passado anterior ao Cezimbra Jacques... e fomos além, projetando os próximos 50 anos. Corrigimos algumas coisas como por exemplo nos símbolos: O broto com sete folhas... em qualquer livro cita-se apenas o significado de “seis”.. sempre faltou um. Agora tem.
O livro tem sido sucesso onde passamos. A arte, o projeto gráfico ficou por conta da Liliane Pappen, presidente da Escola do Chimarrão de Venâncio Aires, mas que tem um belíssimo talento criativo. Levamos para Goiás e Brasília, levaremos para Bahia, Maringá, Pitangas e Curitiba, no Paraná. Acredito que os tradicionalistas tem que ter essa obra. Ele está por ser entregue ao Ministro Chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, que tem uma invejável coleção de quadros em seu escritório, no Rio Grande do Sul, que conta a saga farrapa e as revoluções gaúchas, um apaixonado pela nossa história.

7. Finalizando, te agradeço muito a disponibilidade em estar aqui nos contando uma pequena parte de tua vivência no Movimento, e dos teus ideais enquanto tradicionalista. Podes ter certeza que tu também és exemplo pra muitos que te acompanham. Muito obrigada!
Sempre fui um apaixonado pela comunicação. Nós vivíamos em um mundo de certezas. Hoje, vivemos uma era de muita informação e poucas certezas. Muitas contestações e pouco conhecimento. É realmente um “Mundo líquido”. Os CTGs nos ajudam, como grupo local e com um forte núcleo cultural a termos, pelo menos certeza que estamos em um caminho certo, buscando melhorar a sociedade que vivemos. Desta forma criei meu blog para contar, como um diário, nossa viagem com o Anita Garibaldi, para a Alemanha, em 2007. Depois disso, virou uma referencia em noticias do tradicionalismo, assim como o Cantinho Gaúcho.
Parabéns pra ti também Carol. Quando fiz assessoria de imprensa para o MTG, sempre mandei noticias para ti pois sei o quanto teu espaço é lido. Mantenha-se sempre forte.. continua fazendo esse trabalho voluntário que ajuda muita gente a ter a informação correta, em uma época de incertezas e excesso de informações.

E aí leitores do nosso Cantinho, gostaram?
Eu adorei!
É sempre bom conhecermos mais sobre alguém que temos como exemplo... ainda mais sendo uma fonte de conhecimento como o Rogério Bastos.

Um grande abraço a todos, e até logo :)

CTG Querência do Arroio do Meio realiza troca de prendado e inaugura nova secretaria

Bom dia!!!

Na noite de sexta-feira, dia 26 de agosto, o CTG Querência do Arroio do Meio, 24ª RT, realizou a entrega das faixas e crachás das novas prendas e peões que representarão a entidade na gestão 2016/2017, durante jantar realizado na entidade.

Além deste momento, houve também a inauguração da nova secretaria, que passou a se chamar "Província Administrativa".

As Prendas e Peões que receberam seus encargos são:


1º Piá Farroupilha: Vinicius Strassburger
2º Piá Farroupilha: Gabriel Bersch Schmidt

1ª Prenda Mirim: Laura Rauber
2ª Prenda Mirim: Amália Rempel Fontana

1º Guri Farroupilha: Luiz Henrique Volk do Nascimento
2º Guri Farroupilha: Erick Nathan Erthal

1ª Prenda Juvenil: Emilia Bersch Schmidt
2ª Prenda Juvenil: Anita Glória Rempel Fontana

1ª Prenda: Luana Mayara Erthal
2ª Prenda: Cinthia Goettens

1ª Prenda Veterana: Marines Erthal
1º Peão Veterano: Erni Erthal

Patronagem, pais e demais integrantes da entidade parabenizam a todos pelas conquistas, e desejam um ótimo ano de gestão!

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Nova parceria: Sapatilhas Maria Bonita

Boa tarde queridos amigos!!!


Hoje temos mais notícia boa por aqui... acabamos de fechar uma parceria super bacana com a marca de Sapatilhas e Botinhas Maria Bonita, que desde o ano de 1993 produz estes produtos com muito conforto e qualidade, de acordo com as normas do MTG.

Os materiais utilizados na fabricação dos modelos tradicionais são da mais alta qualidade, com requinte e fino acabamento proporcionando às clientes consumidoras, garantia de satisfação.

Confere aí alguns dos modelos comercializados pela marca:

Sapatilha Bege, salto 1,5 cm (modelo 1001)

Sapatilha Marrom, salto 3 cm (modelo 1005)

Sapatilha Bege, salto 5 cm (modelo 1010)

Sapatilha Preta, salto 5 cm (modelo 1030)

Botinha Marrom com gola, salto 5 cm (modelo 2000)

Botinha Bege Liso, salto 5 cm (modelo 2001)

Botinha Preta estofada, salto 5 cm (modelo 2002)

Os contatos para adquirir os seus produtos estão todinhos aqui! 
Não perde tempo e faça já a sua compra ou encomenda! ;)

Site: www.sapatilhasmariabonita.com.br
e-mail: sapatilhasmb@yahoo.com.br

Fone: (51) 3593.5558

IND. De CALÇADOS MARYMANO`S IMP. e EXP. LTDA
Endereço: Rua GUIA LOPES, 4757 – Bairro MAUÁ
NOVO HAMBURGO / RS – CEP: 93.548-215

Espero que gostem de mais esta novidade!
Um abraço bem apertadinho, e ótimo início de semana!!!

Estuda, tchê: Boleadeiras


A boleadeira foi elemento definitivo na personalidade exterior do gaúcho e instrumento que justificou e valorizou sua atividade econômica no século XVIII e, a de soldado no século XIX. 

Ela é uma herança cultural que as tribos sul americanas da região do Cone Sul legaram ao gaúcho, esse europeu barbarizado que enfrentando uma paisagem nova, hostil em muitos aspectos, embruteceu-se, ao tempo em que, também, se adaptou a ela.

As boleadeiras foram convertidas em primeira arma de guerra pelos grupos indígenas que se fizeram cavaleiros e, logo recebidas pelo novo elemento rural mestiço ou crioulo como herança cultural de primeira ordem, somente comparável em importância etnográfica e econômica á erva-mate.

Os indígenas usavam dois tipos de boleadeiras quando chegaram os europeus: a bola perdida e a boleadeira de duas bolas. O habitante das planícies e coxilhas agregou à bola perdida uma outra, no extremo livre de corda, deixando assim, transformada sua arma boleadeiras de duas bolas. 

Recebendo dos índios, o gaúcho aperfeiçoou-a com uma bola a mais que lhe serve de manicla, a mais pequena, e lhe deu o nome carinhoso de “três marias”. Com elas adquiriu uma assombrosa habilidade, sendo arma infalível manejada de a cavalo.

A boleadeira sempre foi uma arma de primeira ordem nas cavalarias gaúchas. Na guerra do Paraguai, os quatro exércitos envolvidos usaram-na, indiscriminadamente. 

A boleadeira é composta de bolas metálicas ou pedras arredondadas, amarradas entre si por cordas, tendo em cada uma das extremidades uma das bolas. Lançadas girando sobre si, elas vão ao encontro do alvo, geralmente as pernas de um animal quadrúpede, que leva um tombo na hora, ficando imobilizado.

Usada normalmente na captura de gado na campanha, as boleadeiras também foram mais tarde utilizadas na guerra. Os índios usavam dois tipos bem diferentes de boleadeiras, de uma e duas bolas. A chamada ”bola perdida” com apenas uma bola, do tamanho aproximado de um punho fechado, usada com arma sendo lançada para atingir a cabeça do inimigo. 

A boleadeira de duas bola, ou nhanduzeira (avestruzeira) é utilizada para caça, especialmente do nhandu ou ema enredando-se nas patas do animal quando lançada. Também usada pelos índios nas Guerras, para enredar as patas dos cavalos montados pelos conquistadores, causando a queda dos dois e possibilitando o ataque e morte do cavaleiro.

Material cedido por: Márcio Lima Santos / Avaliador do MTG e CBTG.

Inter-Regional de Uruguaiana - Classificados

Bom dia!!!
Segunda-feira de tempo feio por aqui... mas pra muitas entidades hoje é um dia lindo!!!

Ontem foram carimbados os primeiros passaportes para a grande final do ENART, que acontece em Santa Cruz do Sul em novembro. A primeira Inter-Regional, que foi realizada na cidade de Uruguaiana, neste final de semana, classificou os seguintes grupos e participantes de modalidades individuais:

Danças Tradicionais Força A
01. CPF PIÁ DO SUL - SANTA MARIA - 13ª RT
02. DT QUERÊNCIA DAS DORES - SANTA MARIA - 13ª RT
03. CTG PATRULHA DO OESTE - URUGUAIANA - 4ª RT
04. CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA - SANTA MARIA - 13ª RT
05. DTG LEÃO DA SERRA - SÃO LEOPOLDO - 12ª RT
06. CTG POTREIRO GRANDE - TRAMANDAÍ - 23ª RT
07. CTG FRONTEIRA ABERTA - SANTANA DO LIVRAMENTO - 18ª RT
08. GRUPO NATIVISTA IBIRAPUITÃ - ALEGRETE - 4ª RT
09. CTG SINUELO DO PAGO - URUGUAIANA - 4ª RT
10. CTG BENTO GONÇALVES - SANTA MARIA - 13ª RT

Danças Tradicionais Força B
01. DTG NOEL GUARANY - SANTA MARIA - 13ª RT
02. CTG OS VAQUEANOS - RESTINGA SECA - 13ª RT
03. CTG RONDA CRIOULA - SÃO SEPÉ - 13ª RT
04. CTG TAPERA VELHA - SÃO LEOPOLDO - 12ª RT
05. CTG FARROUPILHAS - SANTA MARIA - 13ª RT
06. AT PONCHO BRANCO - SANTA MARIA - 13ª RT
07. CTG POUSADA DOS CARRETEIROS - COTIPORà- 11ª RT
08. CTG POUSADA DO IMIGRANTE - NOVA BASSANO - 11ª RT
09. CTG RINCÃO DE SÃO PEDRO - SÃO PEDRO DO SUL - 13ª RT
10. CTG ESTIRPE GAÚCHA - GUAPORÉ - 11ª RT

Chula
01. PEDRO E. DE MORAIS ALMEIDA - GR CAAMI FOLCLORE E ARTE NATIVA - 13ª RT
02. WILLIAM CANTARELI ARRIVABENE - CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA - 13ª RT
03. FRANCIEL DA SILVA DE SOUZA - CTG BENTO GONÇALVES - 13ª RT
04. SAMUEL SANTOS BOEIRA - DTG AMIGOS DA TRADIÇÃO - 16ª RT
05. MAURÍCIO ALVES GUIMARÃES - CPF PIÁ DO SUL - 13ª RT
06. LUCAS SABBADO CAMPOS - PTG RAÍZES DA FRONTEIRA - 21ª RT
07. MARCELO LOVATO BRUM - CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA - 13ª RT
08. LUCAS RIBEIRO DOS SANTOS - PTG RANCHO DA AMIZADE - 18ª RT
09. EDSON DA LUZ BORSATTO - CTG ESTIRPE GAÚCHA - 11ª RT
10. MATHEUS VALENTE - CTG TAPERA VELHA - 12ª RT

Violão
01. PABLO MACHADO CARDOSO - CPF PIÁ DO SUL - 13ª RT
02. GABRIEL BORBA CORDERO - DTG DEPTO. CULT. ALMA GAÚCHA - 18ª RT
03. CARLOS E. DA SILVA DOS SANTOS - CTG RINCÃO DE SÃO PEDRO - 13ª RT
04. FELIPE LEAL RODRIGUES - CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA - 13ª RT
05. LEONARDO DA MAIA MACHADO - CTG FRONTEIRA ABERTA - 18ª RT
06.  PEDRO LUIZ DOS SANTOS FARIAS - CTG FRONTEIRA ABERTA - 18ª RT
07. SILVANO DE VARGAS HENRIQUES - CTG SENTINELA DO FORTE - 18ª RT
08. JAN LUCCA VIEIRA BITANCOURT - CTG RINCÃO DA CAROLINA - 18ª RT
09. KRISTOPHER CAMARGO CARVALHO - CTG SINUELO DO PAGO - 4ª RT

Intérprete Solista Vocal Masculino
01. FILIPE SIQUEIRA HENRIQUES MORAES - DTG LEÃO DA SERRA - 12ª RT
02. JADISON DANIEL KILA AQUINO - GN IBIRAPUITÃ - 4ª RT
03. GREGORY CLAUCIUS SANTOS DA SILVA - OS LANCEIROS DE MAUÁ - 21ª RT
04. PATRICK DA SILVEIRA MELO - DTG LEÃO DA SERRA - 12ª RT
05. HENRIQUE VARGAS DOS SANTOS - DTG CLUBE JUVENTUDE - 4ª RT
06. FABIANO DIAS - CTG POUSADA DO IMIGRANTE - 11ª RT
07. ALEXANDRE DANTAS PINTO BROSE - CTG SENTINELA DA FRONTEIRA - 18ª RT
08. ISMAEL FELIPE BRANDT - CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA - 13ª RT
09. CRISTIAN SANTOS GARCIA - CTG RONDA CRIOULA - 13ª RT
10. JUAN VICTOR BORGES WINZ - CTG FRONTEIRA ABERTA - 18ª RT

Intérprete Solista Vocal Feminino
01. NICOLE CARRION DA COSTA - CTG RINCÃO DA CAROLINA - 18ª RT
02. DANIELA CORREA SILVA - CTG ESTÂNCIA DE SAPUCAIA - 12ª RT
03. ELENA VENTURINI - CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA - 13ª RT
04. RITIELI DOS SANTOS DE CAMPOS - CTG PATRULHA DO RIO GRANDE - 23ª RT
05. LIZANDRA C. FRIEDRICH - DTG DEPTO. CULT. ALMA GAÚCHA - 18ª RT
06. CAROLINE AIRES - AT PONCHO BRANCO - 13ª RT
07. LAYRA TEREZINHA RODRIGUES SOUZA - CTG CAIBOATÉ - 18ª RT
08. ANA CAROLINA DE ANDRADE MACHADO - CTG RINCÃO DA CAROLINA - 18ª RT
09. PATRÍCIA CORREA - CTG TROPEIROS DA AMIZADE - 12ª RT
10. AGNES NIMUE DE OLIVEIRA - DTG TROPEIROS DO OURO NEGRO - 12ª RT

Declamação Masculino
01. ELMES FELIPE CARVALHO - DTG CLUBE JUVENTUDE - 4ª RT
02. NAIRO ANDRÉ DE FREITAS COUTINHO - CTG BENTO GONÇALVES - 13ª RT
03. MATHEUS DA CUNHA GOGGIA NEVES - CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA - 13ª RT
04. ANDREI RIGHI SEIXAS - DTG AVENIDA TÊNIS CLUBE - 13ª RT
05. ANGELO P. DA SILVA OLIVEIRA - DTG DEPTO. CULT. ALMA GAÚCHA - 18ª RT
06. FLÁVIO SOCCOL - CTG GAUDÉRIO SERRANO - 11ª RT
07. LUCAS PAIVA ROXO - DTG TROPEIROS DO OURO NEGRO - 12ª RT
08. CRISTIAN DA SILVA OLIVEIRA - GN IBIRAPUITÃ - 4ª RT
09. WAGNER GOMES MÜLLER - DTG DEPTO. CULT. ALMA GAÚCHA - 18ª RT
10. RAUNY GEALD LIMA - CTG FOGO DE CHÃO - 21ª RT

Declamação Feminino
01. JULIANE REZI BERTIN - CTG PATRULHA DO OESTE - 4ª RT
02. JULIANA SILVA GUINÉ - CPF PIÁ DO SUL - 13ª RT
03. AMANDA GONÇALVES DOS SANTOS - CCTG LILA ALVES - 21ª RT
04. NATHÁLIA MOTA DE OLIVEIRA - CTG SENTINELA DO FORTE - 18ª RT
05. RAFAELA ANVERSA SCHREINER - DTG AVENIDA TÊNIS CLUBE - 13ª RT
06. VITÓRIA LORETO PEREIRA - GR CAAMI FOLCLORE E ARTE NATIVA - 13ª RT
07. MARIA VITÓRIA RAMOS DE MELLO - CTG PATRULHA DO OESTE - 4ª RT
08. PATRÍCIA SILVEIRA GOMES - DTG CLUBE JUVENTUDE - 4ª RT
09. TICIANA CORREA LEAL - DTCE MARCAS DO PAMPA - 13ª RT
10. LUIZA MARTINS PENNA - CTG SENTINELA DA QUERÊNCIA - 13ª RT

Danças Gaúchas de Salão
01. RANGEL ROTTOLI E ALINE DE BORBA SPADINI
CTG TRILHA SERRANA - 11ª RT

02. GUILHERME SCHNEIDER ULLRICH E NATÁLIA SANTOS HOLKEM
AT PONCHO BRANCO - 13ª RT

03. EDSON BROZLAREN DA SILVA E ANDREZA LAUBINO DE SOUZA
CTG MATA NATIVA - 12ª RT

04. DIEGO DE OLIVEIRA E ANICÉLI DE MATOS LAUTENCHLEGER
DTG NOEL GUARANY - 13ª RT

05. LEONARDO SCHNEIDER ULLRICH E VICTÓRIA BRONDANI DE OLIVEIRA
AT PONCHO BRANCO - 13ª RT

06. FELIPE TARRAGÔ DA ROSA E ALICE DE ROSSO ALVES
CPF PIÁ DO SUL - 13ª RT

07. LEONARDO DA SILVA AQUINO E DANIELA RODRIGUES PEREIRA
CTG DOMADORES DO RINCÃO - 12ª RT

08. EDUARDO BARASUAL E LUCIANE PAGLIARINI
DTG NOEL GUARANY - 13ª RT

09. JOSÉ VALDIR DA SILVA CORRÊA JUNIOR E MIRIENE DA SILVEIRA CORREA
CTG TRIPLICE ALIANÇA - 4ª RT

10. LUCAS WILLIAM NUNES KLAUS E LAURA COSTENARO
CTG ESTIRPE GAÚCHA - 11ª RT

Parabéns a todos pela conquista desta tão sonhada classificação, e um ótimo comecinho de semana a todos vocês, leitores! ;*

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

CTG Querência do Arroio do Meio divulga programação da Semana Farroupilha

Bom dia amigos!!!

Dá uma olhadinha na programação da Semana Farroupilha do CTG Querência do Arroio do Meio, e te organiza pra ir lá prestigiar! Não fique de fora!!!

16/09 - Sexta-feira
19h30min - Abertura da Semana Farroupilha com acendimento da Chama Crioula
Janta - Ovelha

17/09 - Sábado
19h30min – Noite de talentos
Janta – Buffet de Carreteiros

18/09 - Domingo
10h - Missa crioula
12h - Almoço - Buffet típico do CTG (churrasco, saladas diversas...)
Domingueira - Apresentação da Invernada Mirim

19/09 - Segunda-feira
20h - Costelão e apresentação das Invernadas

20/09  - Terça-feira
9h - Desfile farroupilha
12h - Almoço - Buffet típico do CTG (churrasco, saladas diversas...)
A tarde - Plantio do Recanto da Erva Mate (21 mudas)

*Cartões para as jantas e almoços podem ser adquiridos com a patronagem da entidade.

Quem aqui já está super ansioso esperando a Semana Farroupilha 2016 levanta a mãão \o/
Continue por dentro de todas programações e se organize pra aproveitar o máximo!

Um grande abraço, e até logo!!!

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Invernada Adulta do CTG Porteira dos Pampas convida para Pré-estreia


A Invernada Adulta do CTG Porteira dos Pampas, da cidade de Teutônia, 24ª RT, tem o prazer de convida-los para uma noite cheia de emoções e muita magia que acontecerá no dia 17 de Setembro de 2016.

Os dançarinos da Invernada Adulta realizaram a sua Pré-Estréia apresentando a todos os presentes a nova temática e a nova indumentária que serão usadas para a etapa Inter Regional do ENART 2016, que acontecerá nos dia 24 e 25 de setembro na cidade de Venâncio Aires, buscando uma vaga para a finalíssima do ENART que acontece em novembro. 

Integrantes da Invernada Adulta do CTG Porteira dos Pampas

O inicio será as 20 hrs, servindo um delicioso cardápio com Massas aos Molhos: Carbonara, Bolonhesa, Tomate Seco e Rúcula, Frango e Saladas diversas ao valor de R$ 20,00. 

Logo após começarão as apresentações dos concorrentes individuais e em seguida a magia tomará conta de todos com a apresentação da Invernada Adulta.

Os cartões podem ser adquiridos com os integrantes da invernada até o dia 15 de setembro.

Prestigie!

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Invernada Adulta do CTG Tropilha Farrapa realiza Pré-estreia

Olá amigos...
É com alegria que trago pra vocês este convite super especial!

O Elenco Artístico Adulto do CTG Tropilha Farrapa, da cidade de Lajeado, convida para o Show de Pré-Estreia, a ser realizado no dia 10 de setembro de 2016.

Com nova temática e novas pilchas, a invernada adulta vem se preparando para a segunda etapa Inter-Regional do ENART 2016, que acontece nos dias 24 e 25 de setembro, na cidade de Venâncio Aires/24ªRT.

Invernada adulta conquistou o 2º lugar (Força B) na Inter-Regional em 2015, 
também realizada em Venâncio Aires.

Mais um ano na expectativa de conquistar a tão sonhada classificação para a final do ENART, é que todos os dançarinos, patronagem e coordenação contam com a presença e apoio de todos nesta noite que será muito especial.

A partir das 20h 30min será servido buffet com saladas diversas e quatro tipos de carreteiro, ao valor de R$ 25,00. Crianças até seis anos de idade não pagam, e de sete a onze pagam o valor de R$ 15,00.

Por volta das 22h acontece o show da Invernada Adulta, que após meses de ensaios e dedicação pretende emocionar a todos. Trinta dançarinos que cultivam o mesmo sonho, e que nesta noite querem conquistar também o teu carinho, apoio e torcida!

Os cartões podem ser adquiridos com os integrantes da invernada até o dia 07 de setembro.
Não haverá venda de ingressos na noite, nem valor reduzido para somente assistir a apresentação.

Venha prestigiar e incentivar a cultura de nosso Estado!
O CTG Tropilha Farrapa espera por você.

CTG Raízes do Sul realiza 1ª Noite da Tradição Gaúcha

O CTG Raízes do Sul, da cidade de Lajeado, 24ª RT, está promovendo a 1ª Noite da Tradição Gaúcha!!!

O evento acontecerá no dia 03 de setembro, na sede da entidade, tendo como atração principal um show com o Conjunto Fogo de Chão, vindo diretamente de Curitibanos/SC pra esta grande noite!


Os cartões então sendo vendidos por apenas R$ 10,00, nos seguintes pontos de venda:
- Casa da Prenda (Lajeado)
- PC Carnes (Lajeado)
- Kikão Lanches (Lajeado)
- Foto Wilson (Estrela)
- CTG Raízes do Sul (Lajeado)

Não vai ficar de fora, né?
Por um precinho desses, não precisa nem pensar duas vezes!
Tchê esperamos!!!

Departamento Jovem da 24ª promove evento


O Departamento Jovem da 24ª Região Tradicionalista convida para dois eventos a serem realizados em prol da comemoração do Dia do Jovem Tradicionalista.

Com o tema "A Importância do Jovem no Movimento Tradicionalista Gaúcho: Ontem e hoje", foram elaboradas duas ações, que acontecerão com a seguinte programação:

1ª ação - Palestra e Gincana
Palestrante: Muriel Machado Lopes
Local: Parque Municipal do Chimarrão - Venâncio Aires
Início: 10 horas
Data: 03/09/2016

2ª ação - Mateada
Local: CTG Tropilha Farrapa - Lajeado
Início: 20 horas
Data: 06/09/2016
  • Será entregue certificado pra quem tiver presença confirmada nos dois eventos.
Realização: Departamento Jovem da 24ª RT, 2015/2016.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

XI Rodeio Crioulo Estadual do GAN Anita Garibaldi - Resultado

Olá amigos!!!

Hoje trago aqui pro nosso Cantinho o resultado do XI Rodeio Crioulo Estadual do GAN Anita Garibaldi, da cidade de Encantado, 24ª RT, que aconteceu neste final de semana!

Gaita Ponto

Mirim
1º. Felipe Marind de Sá - CTG Pioneiros do Laço - Esmeralda - 8ª RT

Juvenil
1º. Rubne Rieth Catapan - GAN Lagoa Vermelha - Lagoa Vermelha - 8ª RT

Gaita Tecla

Mirim
1º. Renan Rousado - Piq. Parceiros da Tradição - Alvorada - 1ª RT
2º. Felipe Marin de Sá - CTG Pioneiros do Laço - Esmeralda - 8ª RT
3º. Debora  Severo - CTG Ronda Charrua - Farroupilha - 25ª RT
4º. Ricardo Adriano Noskoski - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
5º. Pedro Henrique de Oliveira - CTG Ronda Charrua - Farroupilha - 25ª RT
6º. João Pedro Diehl - CTG Sentinela da Tradição - Muçum - 24ª RT

Juvenil
1º. Willian Festa - CTG Fogo de Chão - Ibiraiaras - 8ª RT
2º. Natália Sitnievski - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
3º. Luis Henrique M. Pasche - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
4º. João Vitor Teixeira - GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT
5º. Rubne Rieth Catapan - GAN Lagoa Vermelha - Lagoa Vermelha - 8ª RT
6º. Eduardo Luis Noskoski - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
7º. Luca Bitencourt de Castilhos - GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT

Adulta
1º. Ivan Miguel Bucco - CTG Laço Velho - Bento Gonçalves - 11ª RT
2º. Wesley Canal Grolli - CTG Trilha Serrana - Carlos Barbosa - 11ª RT
3º. Paulo Grassi - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT

Violão

Mirim
1º. Leonardo Sassi Ribeiro - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
2º. Luana Armani Fontana - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT

Juvenil
1º. Felipe Pinheiro - GAN Vaqueanos da Cultura - Soledade - 14ª RT
2º. João Vitor Teixeira - GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT
3º. Cassiano Vasco dos Santos - DTG Polivalente - São Jerônimo - 2ª RT
4º. João Vitor Menna Janke da Silva - CTG Gildo de Freitas - Porto Alegre - 1ª RT
5º. Maria Eduarda Diehl - CTG Sentinela da Tradição - Muçum - 24ª RT

Adulta
1º. Marcelo Zottis - CTG Última Tropeada - Guaporé - 11ª RT
2º. Bruno Grassi - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
3º. Jefferson da Silva Rocha - DTG Polivalente - São Jerônimo - 2ª RT
4º. Evelin Sopelsa -  CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT

Declamação Feminina

Pré-Mirim
1º. Barbara Vitoria S. Vieira - DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT
2º. Betina Kutchak Silva Silveira - CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 2ª RT
3º. Maria Eduarda Benincá Cendron - DT Simpasso - Passo Fundo - 7ª RT
4º. Eloisa Bergamaschi - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
5º. Emanuely Roso - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
6º. Agata Rampanelli Moraes - CTG Sentinela da Tradição - Muçum - 24ª RT
7º. Gabriele Detoni do Nascimento - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
8º. Luana Vicenzi de Oliveira - CTG Sinuelo da Serra - Serafina Correa - 11ª RT
9º. Nikoly Pacheco Santos - DT Simpasso - Passo Fundo - 7ª RT

Mirim
1º. Luiza Barbosa Dias - CTG Guapos do Itapuí - Campo Bom - 30ª RT
2º. Giulia de Oliveira Macedo - GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT
3º. Ester Belegante Nervo - Piquete de Laçadores Pai João - Água Santa - 7ª RT
4º. Anne Freitas Bittencourt - CTG Ronda Charrua - Farroupilha - 25ª RT
5º. Luiza Belegante Nervo - Piquete de Laçadores Pai João - Água Santa - 7ª RT
6º. Rani Molinari Presser - CTG Felipe Portinho - Marau - 7ª RT
7º. Gabriely Portella Ramos - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
8º. Eliza Brocco Antunes - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
9º. Daniela Lucas Brocardo - CTG Sinuelo da Liberdade - Encruzilhada do Sul - 5ª RT
10º. Rafaela Dutra Fraga - CTG Sinuelo da Liberdade - Encruzilhada do Sul - 5ª RT
11º. Barbara Heinen - CTG Querência da Mata - Boqueirão do Leão - 24ª RT
12º. Ana Luiza Bessega - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
13º. Jéssica Leotte Castanho - CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 19ª RT
14º. Nicole Bresolin - CTG Galpão Campeiro - Erechim - 19ª RT
15º. Larissa Di Bartolo Letti Baccarin - CTG Cancela do Imigrante - Antônio Prado - 8ª RT

Juvenil
1º. Anna Maria Socool - CTG Gaudério Serrano - Bento Gonçalves - 11ª RT
2º. Milena Borchardt da Silva - CTG Pelego Branco - Taquari - 15º RT
3º. Ana Claudia Reis de Oliveira - CTG Os Carreteiros - Caxias do Sul - 25ª RT
4º. Ana Julia Camera - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
5º. Bruna Thais Heinen - CTG Querência da Mata - Boqueirão do Leão - 24ª RT
6º. Maria Eduarda Giordan Coser - CTG Potro Sem Dono - Dois Lajeados - 11ª RT
7º. Juliana Borsato Selli - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
8º. Iasmin Siebert Hass - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
9º. Letícia Tiecher - CTG Paixão Cortes - Nova Bréscia - 24ª RT
10º. Amanda Dannenhauer - CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT
11º. Julia da Rosa Costa - CTG Sentinela da Tradição - Muçum - 24ª RT

Adulta
1º. Letícia Schmachtemberg - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
2º. Barbara Cristina Hemming - CTG Raça Gaudéria - Estrela - 24ª RT
3º. Patrícia Dias - CTG Reminiscências - Montenegro - 15ª RT
4º. Débora Oliveira de Andrade - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
5º. Natalia Ulmi Ziglioli - CTG Potro Sem Dono - Dois Lajeados - 11ª RT

Xirú
1º. Ana Paula Pinheiro - GAN Vaqueanos da Cultura - Soledade - 14ª RT

Declamação Masculina

Pré-Mirim
1º. Eduardo Guarnieri - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
2º. Lucas Eduardo Fernandes Pinto - CTG Desgarrados da Querência - Sapiranga - 30ª RT
3º. Luis Felipe Neves - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
4º. Gabriel Bordignon - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
5º. João Marcos Kuiava - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
6º. Pedro Benincá Cendron - DT Simpasso - Passo Fundo - 7ª RT

Mirim
1º. Vitor Gasperin - CTG Sinuelo da Serra - Serafina Corrêa - 11ª RT
2º. Henrique Machado Rusch - CTG Rodeio de Encruzilhada - Encruzilhada do Sul - 5ª RT
3º. Clovis Alex Soares Filho - CTG Guapos do Itapuí - Campo Bom - 30ª RT
4º. Felipe Belegante Peruzzo - Piquete de Laçadores Pai João - Água Santa - 7ª RT
5º. Vinícius Jardim de Freitas - GAC Ilha Xucra - Florianópolis - 7ª RT
6º. Matheus M. Sampert - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
7º. João Pedro Anzolin - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT

Juvenil
1º. Luiz Cassol Ferrigo - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
2º. Eagro H. B. Muller - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
3º. Daniel Compagnoni Soares - CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
4º. Alan Cid - CTG Sinuelo da Liberdade - Encruzilhada do Sul - 5ª RT

Adulta
1º. Douglas Diehl Dias - PL Delfino Carvalho - Cachoeira do Sul - 5ª RT
2º. Kelvin Eduardo Krug - CTG Felipe Portinho - Marau - 7ª RT
3º. Leonardo Andrade - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
4º. Gilvani da Rosa - CTG Trilha Serrana - Marau - 7ª RT
5º. Douglas Kist - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
6º. Lucas Zarth - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
7º. Ednei Gabriel da Silva Rosa - CTG Potro Sem Dono - Dois Lajeados - 11ª RT
8º. Hamilton Alexandre do Amaral - DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT

Xirú
1º. Alexandre da Rosa Vieira - DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT
2º. Flávio Soccol - CTG Gaudério Serrano - Bento Gonçalves - 11ª RT
3º. Valentin Galarsa - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT

Intérprete Solista Vocal Feminino

Pré-Mirim
1º. Vitória Benincá Cendron - DT Simpasso - Passo Fundo - 7ª RT
2º. Luana Vicenzi de Oliveira - CTG Sinuelo da Serra - Serafina Corrêa - 11ª RT
3º. Carolina Desordi Conterato - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT

Mirim
1º. Luiza Barbosa Dias - CTG Guapos do Itapuí - Campo Bom - 30ª RT
2º. Ana Luiza Devitte - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
3º. Carla Donin - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
4º. Yasmin Orlandini Lima - CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT
5º. Mariele Agostini - CTG Sentinela da Tradição - Muçum - 24ª RT
6º. Vitoria Muller dos Sabtos - CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT
7º. Anne Freitas Bittencourt - CTG Ronda Charrua - Farroupilha - 25ª RT

Juvenil
1º. Brenda Billmann - PL Delfino Carvalho - Cachoeira do Sul - 5ª RT
2º. Evelyn Alexia de Oliveira - CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT
3º. Camila Cendron Mercalli - CTG Pousada dos Carreteiros - Cotiporã - 11ª RT

Adulta
1º. Marla Oliveira - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
2º. Ariane Machado Marques - CTG Lalau Miranda - Passo Fundo 7ª RT
3º. Paula Ilha - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
4º. Jordana de Marco Giacolmelli - CTG Pousada dos Carreteiros - Cotiporã - 11ª RT

Xirú
1º. Ana Paula Pinheiro - GAN Vaqueanos da Cultura - Soledade - 14ª RT
2º. Salete Piovezan - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT

Intérprete Solista Vocal Masculino

Mirim
1º. Vitor Gasperin - CTG Sinuelo da Serra - Serafina Corrêa - 11ª RT
2º. Augusto Savicki Vieira - CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT

Juvenil
1º. João Pedro Ritter Moraes - CTG Guapos do Itapuí - Campo Bom - 30ª RT
2º. Raphael Luciano Scarton - CTG Pousada dos Carreteiros - Cotiporã - 11ª RT
3º. Felipe Pinheiro - GAN Vaqueanos da Cultura - Soledade - 14ª RT
4º. João Menna - CTG Gildo de Freitas - Porto Alegre - 1ª RT
5º. Amonrhá da Rosa de Farias - CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 2ª RT

Adulta
1º. Juliano Dias - CTG Gildo de Freitas - Porto Alegre - 1ª RT
2º. Ranieri Zilio Moriggi - CTG Tiarayu - Porto Alegre - 1ª RT
3º. João Carlos dos Santos Silva Jr. - CTG Guapos do Itapuí - Campo Bom - 30ª RT
4º. Leandro Bitencourt - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
5º. Bruno Zancanaro Pereira - CTG Gildo de Freitas - Porto Alegre - 1ª RT
6º. Everton Lopes - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
7º. Emanuel Faccini Baronio - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
8º. Luis Matheus Pedrozo Teixeira - CTG Alfredo D'Amore - Carazinho - 7ª RT
9º. Franklin Lisboa - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT

Xirú
1º. Luis Carlos Devitte - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
2º. Paulo Grassi - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT

Chula

Pré-Mirim
1º. Francisco Scorsatto Ferreira - CTG Três Coqueiros - Soledade - 14ª RT
2º. Vitor Augusto dos Santos - CTG Os Desgarrados - Guaporé - 11ª RT
3º. Pedro Augusto Forlin Barbosa - CTG Cancela do Imigrante - Antônio Prado - 8ª RT
4º. Matheus Leobleins - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
5º. Henrique Pittol Rodrigues - CTG Tropeiros da Amizade - Roca Sales - 24ª RT
6º. Bernardo Pereira - CTG Galpão Campeiro - Erechim - 19ª RT
7º. Adalberto Machado Latroni - CTG Aldeia dos Anjos - Gravataí - 1ª
8º. Gabriel Bombassaro Calvi - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
9º. Kauã Lorenzon - CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
10º. Fabricio Valgoi - CTG Paixão Cortes - Nova Bréscia - 24ª RT

Mirim
1º. Felipi de Lorenzo de Souza - CTG Querência do Socorro - Vacaria - 8ª RT
2º. Arthur Eduardo Machado Latroni - CTG Aldeia dos Anjos - Gravataí - 1ª
3º. Gustavo Garske Ludtke - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
4º. Clovis Alex Soares Filho - CTG Guapos do Itapuí - Campo Bom - 30ª RT
5º. João Pedro de Oliveira Guimarães - GAN Vaqueanos da Cultura - Soledade - 14ª RT
6º. Arthur Port Sander - CTG O Fogão Gaúcho - Taquara - 22ª RT
7º. Vinícius Jardim de Freitas - Grupo de Arte e Cultura Ilha Xucar - Florianópolis - 7ª RT
8º. Nicholas Aquino - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
9º. Vitor Valério Macedo - GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT
10º. Arthur Sirino Manica de Quadros - CTG Galpão Campeiro - Erechim - 19ª RT
11º. Mateus Santos Rocha - CTG Gaúcho Litorâneo - Tramandaí - 23ª RT
12º. Luiz Augusto Paniz - CTG Tropeiros da Amizade - Roca Sales - 24ª RT
13º. Christian Leobleins - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
14º. Vinícius Frigieri - CTG Paixão Cortes - Nova Bréscia - 24ª RT
15º. Arthur Tiecher - CTG Paixão Cortes - Nova Bréscia - 24ª RT

Juvenil
1º. Jean Marques da Rocha - CTG Gildo de Freitas - Porto Alegre - 1ª RT
2º. João Vitor Teixeira - GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT
3º. Guilherme de Andrade Ferreira - GAN Lagoa Vermelha - Lagoa Vermelha - 8ª RT
4º. Diogo Jardim de Freitas - Grupo de Arte e Cultura Ilha Xucar - Florianópolis - 7ª RT
5º. Lucas Mezadri - CTG Herdeiros da Bombacha - Bento Gonçalves - 11ª RT
6º. Arthur Barbieri - CTG Paixão Cortes - Nova Bréscia - 24ª RT
7º. Leonardo Schuller - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
8º. Amonrhá da Rosa de Farias - CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 2ª RT

Adulta
1º. Bruno Schenatto Rodrigues - GAN Lagoa Vermelha - Lagoa Vermelha - 8ª RT
2º. Adrian Machado Latroni - CTG Aldeia dos Anjos - Gravataí - 1ª
3º. Henrique Soares Zanin - GAN Lagoa Vermelha - Lagoa Vermelha - 8ª RT
4º. Vinícius Boscardin - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
5º. Mauricio Selvino Delazeri - CTG Paixão Cortes - Nova Bréscia - 24ª RT
6º. Antonio Bento Ribas Trentin - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
7º. Gabriel Luiz Brum Giacomolli - CTG Querência do Herval - São José do Herval - 14ª RT

Veterana
1º. Marcelo Chaves Ortiz - CTG Portal da Serra - Dois Irmãos - 30ª RT
2º. Marcelo da Rosa - CTG Mata Nativa - Canoas - 12ª RT
3º. Vinícius Silva - GAN Vaqueanos da Cultura - Soledade - 14ª RT
4º. Alexandre dos Santos Sales - GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT

Danças de Salão

Pré-Mirim
1º. Bernardo da Veiga Tross e Maria Eduarda B. Cendron - DT Simpasso - Passo Fundo - 7ª RT
2º. João Pedro Lodi e Ana Laura Daniel - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
3º. Mateus Leoblein e Amanda de Oliveira Fagundes - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
4º. Kauã Santos Cavalheiros e Vitória B. Cendron - DT Simpasso - Passo Fundo - 7ª RT
5º. Pedro Benicá Cendron e Nicoly Pacheco Santos - DT Simpasso - Passo Fundo - 7ª RT
6º. Pedro Henrique Rossetti e Izadora Pflufseder - CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
7º. Gabriel T. Bordignon e Carolina de Sordi Cinteratto - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
8º. Henrique da Silva e Emanuely Roso - CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT

Mirim
1º. Lucas Panzer e Carolina Rodrigues - CTG Rancho da Saudade - Cachoeirinha - 1ª RT
2º. Felipe Rafael de Castro da Rosa e Isabele Spenassato - CTG Felipe Portinho - Marau - 7ª RT
3º. Arthur Manica de Quadros e Bianca Pungan Teffili - CTG Galpão Campeiro - Erechim - 19ª RT
4º. Pedro Kauã e Emanuele Marques - CTG Ronda Charrua - Farroupilha - 25ª RT
5º. Cassiano Cassiamani e Eduarda Borges Alves - CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
6º. Luis Eduardo Alves e Caroline Austria dos Santos - CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
7º. Gustavo Dominski e Emili Piovesan - CTG Galpão Campeiro - Erechim - 19ª RT
8º. Giancarlo L. de Souza e Valentina Borges Nunes - CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
9º. Luan Thiesen da Rosa e Talitha P. Barbon - DTG Herança Maragata - Boqueirão do Leão - 24ª RT
10º. Christian Leoblein e Isadora Catarina Moraes - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
11º. Augusto S, Vieira e Vitoria M. dos Santos - CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT
12º. Jean Vitor Fernandes e Yasmin O. Lima - CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT

Juvenil
1º. Igor Miguel da Rosa e Ana Julia Camera - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
2º. Luis Arruda e Luana Pietzke - CTG Galpão Campeiro - Erechim - 19ª RT
3º. Felipe Caliari da Rosa e Thaíssa de Freitas Bomm - CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
4º. Vinícius Gavenda e Nicole Bresolin - CTG Galpão Campeiro - Erechim - 19ª RT
5º. Wellington Bufon e Julia Rigo - CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
6º. Augusto Vargas Pessi e Alexia Nicolini - DTG Herança Maragata - Boqueirão do Leão - 24ª RT
7º. Ianko Bernstein e Gabriele de Quadros - CTG Galpão Campeiro - Erechim - 19ª RT

Adulta
1º. Luis Fernando Bruxel e Mônica Wermeier - CTG Porteira dos Pampas - 24ª RT
2º. Rangel Rottoli e Aline de Borba Spadini - CTG Trilha Serrana - Carlos Barbosa - 11ª RT
3º. Matheus de Freitas Bomm e Renata Presser - CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
4º. Hamilton A. do Amaral e Ariane Paim de Almeida - DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT
5º. Bruno Bastos Duarte e Namibia Brasil Marques - CTG Darci Fagundes - Guaíba - 19ª RT
6º. Robson L. Klunck e Tuani C. Daniel - CTG Querência da Amizade - Bom Retiro do Sul - 24ª RT
7º. Lucas Zart e Larissa Araújo - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
8º. Gabriel Becker e Laura Panzer - CTG Rancho da Saudade - Cachoeirinha - 1ª RT
9º. Eduardo de Lima Muller e Claudia Ziulkoski - CTG Chama Nativa - Esteio - 12ª RT
10º. Douglas Kist e Letícia Schuler - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
11º. Diego Goethel e Letícia Schmachtemberg - CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
12º. Ramon Royer e Michele de Amorin Dreyer - CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT

Danças Tradicionais

Pré-Mirim
1º. CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
2º. CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
3º. CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 2ª RT
4º. DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT
5º. CTG Rincão das Coxilhas - Teutônia - 24ª RT
6º. CTG Moacir da Motta Fortes - Passo Fundo - 7ª RT
7º. CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
8º. CTG Sentinela da Tradição - Muçum - 24ª RT
9º. CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT

Mirim
1º. CTG M'Bororé - Campo Bom - 30ª RT
2º. CTG Gildo de Freitas - Porto Alegre - 1ª RT
3º. CTG Moacir da Motta Fortes - Passo Fundo - 7ª RT
4º. CTG Herdeiros da Tradição - Caxias do Sul - 25ª RT
5º. CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
6º. CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
7º. CTG Porteira dos Pampas - Teutônia - 24ª RT
8º. CTG Sentinela da Tradição - Muçum - 24ª RT
9º. CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
10º. CTG Pousada do Imigrante - Nova Bassano - 11ª RT
11º. CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 2ª RT
12º. DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT
13º. GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT
14º. CTG Estirpe Gaúcha - Guaporé - 11ª RT
15º. DTG Piazito da Tradição - Venâncio Aires - 24ª RT
16º. CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT
17º. CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT

Juvenil
1º. CTG M'Bororé - Campo Bom - 30ª RT
2º. CTG Rancho da Saudade - Cachoeirinha - 1ª RT
3º. CTG Gildo de Freitas - Porto Alegre - 1ª RT
4º. CTG Erva Mate - Venâncio Aires - 24ª RT
5º. CTG Herois Farroupilha - Caxias do Sul - 25ª RT
6º. CTG Pialo da Saudade - Gravataí - 1ª RT
7º. CTG Negrinho do Pastoreio - Caxias do Sul - 25ª RT
8º. DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT
9º. GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT
10º. CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
11º. CTG Moacir da Motta Fortes - Passo Fundo - 7ª RT
12º. CTG Galpão da Estância - Sobradinho - 14ª RT
13º. CTG Chegando no Rancho - Caxias do Sul - 25ª RT
14º. CTG Porteira dos Pampas - Teutônia - 24ª RT
15º. CTG Lanceiros da Zona Sul - Porto Alegre - 1ª RT
16º. CTG Laço Velho - Bento Gonçalves - 11ª RT
17º. CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
18º. CTG Sentinela da Tradição - Muçum - 24ª RT
19º. CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 2ª RT
20º. CTG Herdeiros da Tradição - Caxias do Sul - 25ª RT
21º. CTG Cancela do Imigrante - Antônio Prado - 8ª RT
22º. CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT

Adulta
1º. CTG Herois Farroupilha - Caxias do Sul - 25ª RT
2º. CCN Sentinela do Rio Grande - Rio Grande - 6ª RT
3º. CTG Herdeiros da Tradição - Caxias do Sul - 25ª RT
4º. CTG Estirpe Gaúcha - Guaporé - 11ª RT
5º. CTG Tropeiros do Ouro Negro - Canoas - 12ª RT
6º. DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT
7º. CTG Tropilha Farrapa - Lajeado - 24ª RT
8º. DTG Piazito da Tradição - Venâncio Aires - 24ª RT
9º. CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
10º. CTG Laço da Amizade - Casca - 7ª RT
11º. CTG Chaleira Preta - Venâncio Aires - 24ª RT
12º. CTG Pousada do Imigrante - Nova Bassano - 11ª RT
13º. CTG Última Tropeada - Guaporé - 11ª RT
14º. CTG Estância do Chimarrão - Cachoeira do Sul - 5ª RT
15º. CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 2ª RT
16º. CTG Cancela do Imigrante - Antônio Prado - 8ª RT
17º. DTG Osório de Assis - Fontoura Xavier - 14ª RT

Xirú
1º. CTG Tiarayu - Porto Alegre - 1ª RT
2º. CTG Tropeiros do Ouro Negro - Canoas - 12ª RT
3º. CTG Giuseppe Garibaldi - Encantado - 24ª RT
4º. CTG Raízes da Tradição - Charqueadas - 2ª RT
5º. CTG Cancela do Imigrante - Antônio Prado - 8ª RT
6º. DT Clube Juvenil - Passo Fundo - 7ª RT
7º. CTG Chegando no Rancho - Caxias do Sul - 25ª RT
8º. CTG Querência do Arroio do Meio - Arroio do Meio - 24ª RT
9º. CTG Laço Velho - Bento Gonçalves - 11ª RT
10º. CTG Sentinelas do Pago - Marau - 7ª RT
11º. CTG Moacir da Motta Fortes - Passo Fundo - 7ª RT
12º. GTCN Velha Carreta - Caxias do Sul - 25ª RT

Um forte abraço, e parabéns a todos que participaram deste grandioso evento!
O GAN Anita Garibaldi está de parabéns!!!

ENART 2016 - Informações Importantes

Bom dia, bom dia!!!

Na semana passada o MTG divulgou algumas notas importantes a serem observadas pelos participantes do ENART 2016.

Seguem as informações: